PUBLICIDADE
Notícias

Marido da rainha Elizabeth se recupera bem de cirurgia

O marido da rainha foi internado na última quinta-feira na London Clinic, um hospital privado da capital inglesa

17:12 | 14/06/2013
NULL
NULL

LONDRES, 14 Jun 2013 (AFP) - O marido da rainha Elizabeth II, príncipe Philip, está "muito melhor", declarou nesta sexta-feira, 14, seu filho, o príncipe Charles, após uma visita feita no hospital onde o pai foi submetido a uma cirurgia no abdômen no último dia 7 de junho, em Londres.

O príncipe Charles estava acompanhado da esposa, Camilla Parker-Bowles.

O duque de Edimburgo também recebeu a visita nesta sexta dos netos, os príncipes William e Harry, assim como das netas, as princesas Eugênia e Beatrice.
O marido da rainha foi internado na última quinta-feira na London Clinic, um hospital privado da capital inglesa.

Na sexta-feira da semana passada, o Palácio de Buckingham anunciou que o duque havia passado por uma "operação exploratória" no abdômen com anestesia geral e que ele tinha reagido de "forma satisfatória", sem dar mais detalhes sobre as condições do príncipe.

Algumas horas antes de sua internação, o príncipe participou, sorridente, de uma recepção nos jardins de Buckingham.

Na segunda-feira ele recebeu a visita da rainha e do filho Edward, o primeiro a vê-lo.

O Palácio de Buckingham havia indicado antes que o estado de saúde do príncipe Philip -- que comemorava seu aniversário de 92 anos -- "evoluía conforme o esperado".

"Ele não sente dor e está em boas condições. Ele deve ficar no hospital por mais duas semanas e deverá ter um período de aproximadamente 2 meses de repouso", acrescentou o palácio.

Trata-se de sua quarta hospitalização em 18 meses. No final de 2011, o duque foi submetido a uma cirurgia para tratar o entupimento de uma artéria coronária entupida. Em 2012 ele foi hospitalizado duas vezes para tratar de uma infecção urinária.

Conhecido por sua inesgotável energia, Philip está sempre ao lado da esposa desde que ela subiu ao trono em 1962. Sua constância no papel de acompanhante conquistou a simpatia dos súditos apesar de suas inúmeras gafes e da personalidade rabugenta.

Em ocasião de seu 90º aniversário, Philip, que apadrinha cerca de 800 associações, anunciou que gostaria de morrer sabendo que "fez sua parte".

TAGS