PUBLICIDADE
Notícias

Rússia deve aprovar lei nacional contrária aos gays

11:56 | 21/01/2013
O governo da Rússia e a Igreja Ortodoxa Russa estão fazendo pressão para que seja aprovada uma lei que torna ilegal em todo o país o acesso de menores de idade a imagens do que consideram "propaganda de sodomia, lesbianismo, bissexualidade e transexualismo". O projeto de lei que será votado no fim deste mês inclui a proibição de eventos públicos que promovam os direitos dos gays. São Petersburgo e outras cidades russas já têm leis similares em vigor.

O projeto de lei faz parte de um esforço para promover os valores tradicionais russos em oposição ao liberalismo ocidental, que o Kremlin e a igreja consideram corruptores da juventude do país e, por extensão, geradores de uma onda de protestos contra o governo do presidente Vladimir Putin.

Outras leis que o Kremlin diz terem como objetivo proteger os jovens russos vêm sendo adotadas amplamente nos últimos meses, incluindo algumas que permitem o banimento e o bloqueio de conteúdos da internet e publicações impressas que são consideradas "extremistas" ou inadequadas para os jovens.

O sentimento antigay pôde ser observado no domingo na cidade de Voronezh, ao sul de Moscou, onde um grupo de ativistas gays protestava contra o projeto de lei do Parlamento e foi atacado por um grupo muito maior de ativistas antigays. As informações são da Associated Press.

TAGS