PUBLICIDADE
Notícias

França lidera ataques aéreos em Mali

12:57 | 15/01/2013
As forças francesas lideraram ataques aéreos durante toda a madrugada desta terça-feira contra extremistas para assumir o controle de uma pequena cidade de Mali, incluindo seu estratégico campo militar. Além disso, um comboio de cerca de 50 caminhões que carregavam tropas francesas entrou em Mali enquanto a França se prepara para um possível ataque por terra. Milhares de soldados de outras nações vizinhas a Mali também devem chegar ao país nos próximos dias.

O presidente da França, François Hollande, iniciou na semana passada um ataque aos rebeldes do país, que têm ligações com a Al-Qaeda. A ação francesa motivou um plano de operação da Organização das Nações Unidas em Mali, que deve começar daqui a nove meses. Hollande decidiu que uma resposta militar não pode esperar tanto tempo.

As autoridades francesas reconheceram que os rebeldes estão mais preparados do que se pensava. Apesar dos ataques aéreos franceses, que já duram cinco dias, os islamitas conseguiram ganhar terreno, principalmente com a tomada de Diabaly na segunda-feira, o que os coloca a cerca de 400 quilômetros da capital, Bamako.

A Nigéria informou nesta terça-feira que vai enviar quase 200 soldados a Mali dentro das próximas 24 horas. O país planeja mandar um total de 900 tropas nos próximos dias.

Já o secretário de Defesa dos Estados Unidos, Leon Panetta, afirmou que o país descartou a possibilidade de enviar soldados a Mali, mas que espera que os franceses sejam bem-sucedidos na tentativa de promover mais segurança ao país da África Ocidental. As informações são da Associated Press e da Dow Jones.

TAGS