PUBLICIDADE
Notícias

Boeing 787 faz pouso de emergência após problema técnico

07:00 | 16/01/2013
AFP
AFP

Um problema em uma bateria provocou nesta quarta-feira um pouso de emergência de um Boeing 787 Dreamliner da All Nippon Airways (ANA) em Takamatsu, no Japão, informou a própria companhia aérea.

"Durante o voo, o comandante observou um alerta de falha procedente de uma bateria", revelou um porta-voz da ANA, acrescentando que a companhia decidiu deixar todos os seus 17 Boeing 787 no chão enquanto investiga o incidente.

A Japan Airlines (JAL), que opera sete Boeing 787 Dreamliner, também optou por deixar seus aparelhos em terra após o incidente com a ANA.

O aparelho realizava um voo doméstico, com 129 passageiros e oito tripulantes a bordo, e segundo a polícia japonesa, vários passageiros sofreram ferimentos leves durante a evacuação pelas rampas de emergência.

"Temos informação sobre várias pessoas que se feriram levemente" quando saíam do avião pelas rampas de emergência, assinalou o porta-voz da polícia de Kagawa, com jurisdição sobre Takamatsu.

A ANA foi a primeira companhia aérea a receber e operar o Boeing 787, cujo primeiro exemplar recebeu no final de 2011. A

encomenda total à Boeing é de 66 unidades do Dreamliner.

A Boeing reagiu à notícia afirmando que "vamos trabalhar com nossos clientes e os organismos competentes" sobre o caso.

O problema ocorre após a Agência Federal de Aviação (FAA) dos Estados Unidos anunciar, na sexta-feira passada, o início de uma investigação profunda sobre a segurança do Boeing 787, em consequência de cinco incidentes em apenas uma semana.

A investigação abrangerá os "sistemas essenciais" do Boeing 787, incluindo "o desenho, a fabricação e a montagem", disse em um comunicado o departamento de Transportes dos Estados Unidos, do qual a FAA depende.

Há oito dias, em Boston, um 787 da Japan Airlines (JAL) proveniente do Japão teve um princípio de incêndio em terra. No dia seguinte, outro voo da JAL que partia de Boston foi atrasado por um vazamento de combustível.

Na quarta-feira passada, um voo da All Nippon Airways realizado por outro Boeing 787 foi cancelado no país asiático por causa de um problema nos freios.

Nesta sexta-feira, também no Japão, dois incidentes aconteceram a bordo de dois Boeing 787 da ANA: um voo foi cancelado por causa de uma rachadura no vidro da cabine e outro foi atrasado por causa do vazamento de óleo.

 

AFP 

TAGS