PUBLICIDADE
Notícias

AFP - Descobertos supostos destroços de avião de Amelia Earhart

08:03 | 21/08/2012
AFP, AVIAÇÃO
AFP, AVIAÇÃO

A missão que buscava localizar o avião da pioneira da aviação Amelia Earhart, desaparecida no Pacífico há 75 anos quando tentava dar a volta ao mundo, detectou sob a água "restos de objetos manufaturados" que podem ser do aparelho.

As imagens obtidas pelo "Projeto Earhart" e analisadas em laboratório mostram "objetos manufaturados dispersos" sobre o fundo do mar a oeste da ilha Nikumaroro, no arquipélago de Kiribati, no meio do Oceano Pacífico, informaram nesta segunda-feira membros do Grupo Internacional para a Recuperação de Aviões Históricos (TIGHAR, sigla em inglês).

A expedição - a décima em 23 anos - filmou em julho passado o fundo marinho próximo à ilha onde, segundo os pesquisadores, o avião de Earhart pode ter caído.

Durante a análise das imagens, os pesquisadores "viram elementos que se parecem com pedaços do trem de pouso", disse à AFP Richard Gillespie, diretor-geral do TIGHAR.

"É uma etapa interessante, mas não devemos exagerar sua importância, será preciso realizar mais análises".

Earhart voava com o navegador Fred Noonan na última etapa de sua viagem em torno do planeta sobre a linha equatorial quando seu avião desapareceu, no dia 2 de julho de 1937.
A aviadora, com vários recordes, entre eles a de primeira piloto mulher a cruzar o Atlântico, havia decolado de Papua Nova Guiné e seguia para a Ilha Howland, última parada antes de chegar à Califórnia, final da viagem.

Em sua última mensagem de rádio, Earhart disse que não conseguia encontrar a Ilha Howland e que o combustível estava acabando.

TAGS