PUBLICIDADE
Notícias

Polícia líbia consegue pacificar conflito entre cidades

14:05 | 02/04/2012
Uma brigada da polícia líbia foi enviada para reprimir confrontos que irromperam entre duas cidades rivais no oeste da Líbia nesta segunda-feira, perto da fronteira com a Tunísia, assegurando um cessar-fogo e conseguindo a libertação de reféns, disse um chefe tribal da região. A intervenção ocorreu a pedido do Ministério do Interior e foi uma resposta rápida do novo governo da Líbia, que tem sido acusado de fraqueza ao não coibir, ou ao ser lento em reprimir, conflitos sectários e rixas entre tribos, bairros e até cidades.

A batalha entre moradores das cidades de Zwara e Ragdalein, a cerca de 110 quilômetros da capital Tripoli, foi a mais recente série de rivalidades locais que ameaçam dividir a Líbia em linhas regionais e tribais. A luta irrompeu após combatentes de Ragdalein terem tomado 34 homens da brigada da cidade de Zwara como reféns no domingo. O porta-voz da Ragdalein, Rami Kanaan, disse que os homens voltavam da fronteira com a Tunísia, onde a brigada de Zwara ajudou a apoiar guardas de fronteira recém treinados.

Kannan disse que a brigada de Zwara praticou meses de abusos, incluída a pilhagem de propriedade. "Todos os dias eles nos atacavam, os roubos ficaram mais frequentes. Nós tivemos que tomar uma ação e capturamos alguns desses homens", disse Kannan. O chefe do Conselho de Zwara, Abo-Bakr Taloa, disse que 21 homens foram capturados. Em retaliação, a brigada de Zwara impediu que três famílias de Ragdalein viajassem por uma rodovia e tomaram três reféns. Com a pacificação, os reféns foram soltos.

As informações são da Associated Press.

TAGS