PUBLICIDADE
Notícias

Boxeador Héctor 'Macho' Camacho é detido nos EUA por agredir filho

15:56 | 03/04/2012

MIAMI, 3 Abr 2012 (AFP) - O ex-campeão mundial de boxe Héctor 'Macho' Camacho foi detido brevemente por um caso de violência doméstica no qual teria agredido um de seus filhos na casa de sua ex-esposa na Flórida (sudeste dos Estados Unidos), informou a polícia nesta terça-feira à AFP.

"Ele se entregou na segunda-feira às autoridades e, após pagar uma fiança de 5.000 dólares, foi liberado", informou uma porta-voz do Departamento de Polícia do Condado de Orange, em Orlando, centro da Flórida.

O porto-riquenho, de 49 anos, três vezes campeão mundial de boxe, foi acusado de abuso de menores porque "agarrou o filho pelo pescoço, o jogou no chão e pisou nele", segundo a ata de acusação divulgada pela polícia.

O incidente ocorreu no dia 22 de março de 2011, quando Camacho exigiu na casa de sua ex-esposa um dinheiro que considerava perdido, segundo indicaram documentos policiais.

O menino, que não foi identificado, disse aos investigadores da promotoria estatal que acreditava que seu pai o maltratou porque "estava drogado" no dia dos fatos.

O representante do boxeador não atendeu às ligações da AFP.

Héctor 'Macho' Camacho fez uma incursão nos últimos anos no mundo do espetáculo, participando em 2010 do popular concurso de dança de famosos "Mira Quien Baila (MQB)" -no qual foi o primeiro eliminado- e atualmente promove "Es Macho Time", um "reality" transmitido pelo NuevOn, um canal do YouTube com sede em Los Angeles.

TAGS