PUBLICIDADE
Notícias

Pelo menos 12 morrem em violência na região de Xinjiang

13:08 | 28/02/2012
Pelo menos 12 pessoas foram mortas em confrontos ocorridos nesta terça-feira perto da cidade chinesa de Kashgar, perto da região rebeldes de

Xinjiang, noroeste do país, informaram meios de comunicação estatais.

Não há detalhes sobre o que pode ter dado início à violência, embora Xinjiang registre com regularidade a ocorrência de manifestações violentas contrárias ao governo, organizadas por membros do grupo étnico uigur, que tem raízes turcas e muçulmanas.

Segundo a agência de notícias Xinhua, pessoas armadas com facas atacaram vítimas no condado de Yecheng, nas proximidades da cidade. O tumulto começou por volta das 18h. Dez pessoas foram mortas durante o ataque e a polícia matou a tiros duas pessoas que participaram da ação, disse a Xinhua.

As informações da agência de notícias não podem ser confirmadas de forma independente. Autoridades chinesas mantêm um forte controle sobre informações de eventos ocorridos no local e as circunstâncias que cercam tais incidentes são geralmente obscuras.

A Xinhua disse que a polícia estava procurando outras pessoas envolvidas nos ataques, mas não revelou o número de suspeitos.

Os ataques periódicos na região ocorrem apesar do aumento das presença de forças de segurança após os confrontos de 2009 ocorridos na capital regional de Urumqi, onde episódios de violência envolvendo uigures e migrantes da maioria chinesa Han deixaram cerca de 200 mortos.

TAGS