Participamos do

2021 começa pra valer: no 1º dia útil do ano, veja como estabelecer metas

O ano de 2020 desfez planos e desarrumou o que estava previsto. Nesse tempo de incerteza, como fazer planejamento, prioridades e motivação? Será tão importante assim alcançar essa meta em 2021? O POVO dá dicas para organizar metas em 2021 por formas alcançáveis
17:26 | Jan. 04, 2021
Autor Marília Freitas
Foto do autor
Marília Freitas Estagiária do O POVO Online
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Depois de um ano conturbado como 2020, finalmente chegou o tão esperado 2021, sob muitas expectativas da vacina e de um ano melhor do que o passado. O clima de renovação traz vontade de alcançar metas, sonhos e traz planejamento — mas ainda assim, dentro de um ano de pandemia. Esta segunda é o 1º dia útil do ano e, para muita gente, vem o sentimento de que o novo ciclo começou para valer. Após passarmos por tanta imprevisibilidade em 2020, como lidarmos com metas que trazem a probabilidade de serem alcançadas ou não?

A pandemia nos afetou de forma bastante diferente. Se antes tínhamos metas como sair mais com amigos e 'aproveitar mais a vida', foi preciso reconfigurar tudo e estabelecer novas prioridades, explica a psicóloga comportamental Luanna Rodrigues Cavalcante. "Penso que para 2021, é preciso estabelecer metas para direcionar objetivos e se motivar. Mesmo que elas não sejam tão robustas mas, ainda assim, na pandemia que continua presente", pontua.

Com o sentimento de renovação em um novo ano, vem as tradicionais avaliações e desejos de mudanças. Porém, ainda é preciso adaptar as tradicionais metas em um 2021 ainda permeado pelo coronavírus. A dica é estabelecer objetivos alcançáveis, planejá-los de acordo com as suas prioridades e entender o porquê de fazê-lo em meio a uma pandemia.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

"Para transformar o sonho em uma meta, eu preciso estabelecer comportamentos e considerar uma imprevisibilidade com prazos, por exemplo. Ao considerar que a pandemia pode limitar minhas ações, meus prazos podem ser mais flexíveis", conversa Luanna.

Por exemplo, estudar uma nova língua pode ser algo favorável e importante para seu futuro profissional e educacional daqui a cinco anos. Agora, essa meta pode ser cumprida em 2021, considerando o financeiro e a disponibilidade de tempo? Se sim, como posso fazer isso? - através de cursos online ou presenciais?

"A pessoa tem que saber o que quer para cada meta específica. Tem que também encontrar um modo de entender se você ta no caminho do objetivo e saber se aquilo é possível e relevante para mim. Tenho que estabelecer um prazo, principalmente", destaca Luanna.

LEIA TAMBÉM | Planner lança convite à experiência de conexão com o tempo e consigo

Mas a psicóloga comportamental pontua que de nada adianta estabelecer várias metas para 2021 e não cumprir todas. Por isso a importância de estabelecer objetivos prioritários, mas atingíveis em meio a uma pandemia. "Estabelecer metas por acúmulo leva a procrastinação. Daí o planejamento: se eu quero 15 metas, mas ali não cabe tudo, eu tenho que priorizar algumas atividades", conta.

Ainda assim, pode rolar a boa e velha procrastinação e, com ela, o afastamento da meta. Caso isso aconteça, entender o porquê do objetivo não ter sido alcançado é importante. Reavaliar se a meta continua sendo uma prioridade em 2021 também é outro ponto. "No caminho, você pode perceber que ela não é tão relevante para você. Algumas coisas você pode decidir no dia, mas outras não", cita.

Outro exemplo: desejar ter uma vida mais saudável é algo a longo prazo e não pode ser feito de um dia para o outro. Mas começar agora pode ser uma opção em 2021. Agora, querer organizar a estante do quarto pode ser algo feito agora ou em pouco tempo, quando comparado a uma rotina de exercícios. O importante é começar.

Uma ajuda para alcançar metas: aplicativos e anotações

Para atender as expectativas e planejamentos, existem ferramentas e aplicativos feitos especialmente para atingirmos nossas metas e evitarmos procrastinação. Confira algumas recomendações:

- Forest; disponível para sistemas Android e iOS, o aplicativo ajuda a manter o foco por um momento escolhido pelo usuário. Seja em 20 minutos ou em uma hora, o Forest planta uma árvore pelo tempo em que você deve se manter focado. Caso você desista antes do tempo, a plantinha não nasce.

- Método pomodoro; criada nos anos 80 por Francesco Cirillo, a técnica estabelece um tempo de cerca de 25 minutos para realização da atividade, com cinco minutos de descanso a cada ciclo. Quando quatro ciclos de 25 minutos se completam, um descanso de 15 minutos é efetivado. O método serve para evitar distrações e garante um aumento da agilidade mental, devido ao descanso. Aplicativos como o Focus To-Do, também disponíveis para Android e iOS garantem a técnica. "Para rotinas de estudo ou de trabalho, são ótimas indicações", cita Luanna.

- Google Agenda; o aplicativo ajuda a facilitar na visualização de projetos de curto, médio e longo prazo. Também é possível adicionar lembretes e visualizar atividades do dia, sendo uma ótima opção para quem quer começar devido aos seus simples recursos.

- Papel; por último, mas não menos importante, anotar tudo continua sendo uma dica válida. Seja para aquele pensamento que vem rapidamente, ter uma agenda ou planner junto a você é ideal para anotar tudo o que precisar. Caso não seja possível levar a agenda física, alternativas como o Google Keep funcionam bem para o celular ou computador.

Ainda vale estabelecer metas em 2021?

Já sabemos e lembramos bem que 2020 não foi um ano fácil. Por isso, a organização e o entendimento do que queremos e pretendemos fazer esse ano em meio a uma pandemia é tão importante para não perdemos a esperança em um novo ciclo.

"É pensar: o que a gente vai fazer? Devemos estar atentos ao futuro e conciliar o que é importante nos meus valores em um cenário de pandemia", destaca Luanna. "É também lembrar de que daqui a dez, vinte anos, não necessariamente nossas metas devem estar atreladas a uma pandemia".

Também é importante aceitar que vamos errar em nossas metas. Levar em consideração os imprevistos também é uma forma de se planejar. Se em 2020, um vírus atrapalhou tudo, o que 2021 pode esperar? A dica vem de Jeff Sanders, palestrante, escritor e apresentador do podcast de produtividade The 5 AM Miracle Podcast.

LEIA TAMBÉM | Entenda como a conjunção de Júpiter e Saturno no signo de Aquário afeta o mundo

Em entrevista ao blog de organização da ferramenta Trello, Sanders diz que aceitar as falhas não é apenas uma forma de manter a motivação alta, mas pode funcionar inclusive como um favorecimento para alcançar os objetivos a longo prazo. Por exemplo: se você quer fazer exercícios todos os dias, saiba desde já que haverá dias em que você simplesmente não irá para a academia. A meta, então, é entender o porquê disso e se reorganizar novamente para começar do zero.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags