PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Aterro da Praia de Iracema amanhece com menos lixo no primeiro dia de 2021; veja fotos

Enquanto, no ano passado, 50 toneladas de lixo foram recolhidas na faixa de areia e no calçadão, quase não havia lixo nesta manhã de sexta-feira

Gabriela Custódio
09:06 | 01/01/2021
CALÇADÃO estava com poucos pontos de lixo ontem de manhã 
 (Foto: Barbara Moira)
CALÇADÃO estava com poucos pontos de lixo ontem de manhã (Foto: Barbara Moira)

Palco para show de fogos de artifício e reuniões de milhares de pessoas no Réveillon nos últimos anos – mas não em 2020 -, a Praia de Iracema amanheceu diferente neste 1º de janeiro de 2021. Enquanto, no ano passado, 50 toneladas de lixo foram recolhidas na faixa de areia e no calçadão, quase não havia lixo nesta manhã de sexta-feira.

Apesar disso, garrafas de cerveja e champanhe, copos plásticos, embalagens de canudo e até máscara descartável foram vistos tanto no calçadão quanto na areia, nas proximidades das grades de isolamento.

Às 6h40min, equipe da Ecofor já começava a se reunir próximo à rua João Cordeiro para realizar a limpeza na Praia. No mesmo horário, já havia movimento de pessoas praticando esporte ou passeando com animais de estimação. Por volta das 7h20min, as grades de isolamento começaram a ser desmontadas, banhistas e esportistas ocuparam a área que antes estava interditada, e os profissionais da Ecofor começaram a trabalhar.

Clique na imagem para abrir a galeria

LEIA TAMBÉM | Com Aterro fechado, calçadão fica cheio na hora da virada e sirenes dos Bombeiros saúdam 2021

O paulista Victor Amaral, 21, sempre passeia pela orla no ano novo. Entretanto, devido a pandemia, ficou em casa e decidiu ir hoje ver o movimento na praia. "Você pode pelo menos colocar o pé na areia e tirar as energias negativas do ano passado", comemora. Professor de artes marciais, Marcos Santos, 51, também costuma passear pela Praia de Iracema no período de ano novo e percebeu a redução no fluxo de pessoas. "Agora que estou vendo um certo comparecimento. No ano passado, o pessoal estava mais de ressaca e não veio tanto, foi bem menos. E tem muita gente praticando atividade física, mostrando que de todo mal, você tira uma lição", conta.

Clique na imagem para abrir a galeria

Com a proibição de eventos e aglomerações no Aterro, os tradicionais vendedores ambulantes também não puderam trabalhar no espaço no dia 1º. O vendedor ambulante Gilberto Marcelino da Costa, 50, costumava vender churrasquinho e cerveja na virada. Mas em 2021, apenas veio na manhã do primeiro dia do ano ao Aterro. "Esse ano eu passei dormindo. Eu passava a noite trabalhando e depois ficava em casa e não vinha dia 1º", relata. Mesmo sem as vendas da virada, Gilberto disse que continua vendendo bem.

Clique na imagem para abrir a galeria

Em nota enviada ao O POVO, a Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP) informa que equipes da Ecofor Ambiental e da gestão municipal estão neste momento realizando a limpeza do local, envolvendo a varrição do calçadão e a limpeza da faixa de areia. A nota ainda destaca que a limpeza da Beira Mar e da Praia de Iracema é normalmente realizada de segunda-feira a domingo, desde o Mercado dos Peixes até a Ponte Metálica.

"Além da ação do poder público, para manter o ambiente limpo, é necessário também a contribuição da população para que não deposite seus resíduos em locais inadequados. Em casos de descarte irregular, a população deve denunciar telefonando gratuitamente para o número 156", finaliza.Com Marília Freitas