PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Três pessoas são presas após roubos em pontos de ônibus no bairro Pedras

A Polícia investiga se o trio tem envolvimento com quadrilha que matou motorista de aplicativo, desaparecido no último dia 10 de agosto e encontrado dois dias depois. Houve troca de tiros

15:35 | 26/08/2020

Três suspeitos de assaltos a pessoas em pontos de ônibus foram presos na manhã desta terça, 25, na Praça de Pedras, entre as cidades de Fortaleza e Itaitinga, pela Polícia Militar. Os homens estavam com os pertences das vítimas, uma arma de fogo e um veículo roubado, que foi utilizado no crime. A Polícia Civil investiga se os detidos têm relação com a quadrilha que matou o motorista de aplicativo, desaparecido no dia 10 de agosto e que teve o corpo localizado dois dias depois.

Os homens foram identificados como Alex de Melo Silva, 23, com passagens por roubo e corrupção de menores; Francisco Daniel Alves Sousa, 20, com passagens por roubo e por integrar organização criminosa; e Wesley Vieira dos Santos, 25, com passagens por roubo. Todos receberam voz de prisão e foram conduzidos até a Delegacia Metropolitana do Eusébio, onde foram autuados em flagrante por roubo, associação criminosa e adulteração de chassi. Algumas vítimas do trio estiveram na delegacia para restituir seus bens. A Polícia segue investigando o caso em busca de identificar outras ações feitas pelos suspeitos.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), agentes da PM patrulhavam as proximidades da Praça de Pedras, entre as cidades de Fortaleza e Itaitinga, quando foram acionados por um casal, vítima de roubo. Enquanto a composição colhia os dados, o veículo ocupado pelos suspeitos passou ao lado da viatura, em sentido oposto ao que os PMs estavam. Nesse momento, iniciou-se o acompanhamento tático, e a equipe emitiu a ordem de parada. Os suspeitos não obedeceram e ainda dispararam contra a viatura que foi atingida no para-lama dianteiro. Houve revide por parte da polícia, mas ninguém ficou ferido.

Ainda de acordo com a SSPDS, ao tentar fazer uma manobra de retorno, o indivíduo que conduzia o veículo perdeu o controle e parou em cima do meio-fio. Os suspeitos desceram do automóvel e foram abordados. Um deles jogou um revólver calibre .38, com quatro munições intactas e uma deflagrada, no chão. Também foram encontrados vários pertences das vítimas, como bolsas, relógios, cartões e aparelhos celulares que estavam no interior do veículo. O carro também tinha registro de roubo e a placa estava adulterada.