PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

MPCE recomenda que Prefeitura de Fortaleza aplique multa para pessoas flagradas sem máscara

Excetuam-se da recomendação casos dispensados do uso da máscara e pessoas que estejam praticando esportes ao ar livre, conforme orientação da OMS

11:31 | 06/07/2020
A ação visa resguardar a saúde da população e se adequa às medidas já vigentes em todo o Estado (Foto: Fabio Lima/O POVO)
A ação visa resguardar a saúde da população e se adequa às medidas já vigentes em todo o Estado (Foto: Fabio Lima/O POVO)

O Ministério Público do Ceará (MPCE) recomendou que a Prefeitura de Fortaleza passe a multar pessoas que não utilizem máscara de proteção em espaços públicos, assim como estabelecimentos em funcionamento, áreas comuns de condomínio e transportes públicos. A gestão municipal tem prazo de 10 dias para informar as providências adotadas.

Excetuam-se da recomendação, aqueles dispensados do uso da máscara — com previsão em decreto — e também as pessoas que estiverem realizando atividade física ao ar livre, respeitando o distanciamento social de um metro, conforme recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). O MPCE ainda recomenda que a Prefeitura dê “ampla publicidade” à possível aplicação de multas, inclusive por meio de suas mídias digitais.

A promotora de Justiça, Ana Cláudia Uchoa, ressalta que a ação visa resguardar a saúde da população e se adequa às medidas já vigentes em todo o Estado. “O MPCE expediu uma recomendação ao prefeito para que ele regulamente, em ato normativo próprio, a cobrança de multa para as pessoas que forem flagradas sem usar a máscara em locais privados ou aberto ao público”, enfatizou.

 

O POVO procurou a Prefeitura de Fortaleza e aguarda resposta.