PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Prefeitura promete reforçar segurança no Pré-Carnaval do Benfica e do Mercado dos Pinhões

Polo do Benfica já registrou roubos e paredões apreendidos; moradores estão fazendo um abaixo-assinado para mudar o local da festa

14:16 | 04/02/2020
Pré-Carnaval no Benfica na praça da Gentilândia.
Pré-Carnaval no Benfica na praça da Gentilândia. (Foto: Beatriz Boblitz)

O Pré-Carnaval de Fortaleza segue até o dia 16 de fevereiro e a folia continua com a programação de Carnaval a partir do dia 21 de fevereiro. Porém, alguns transtornos decorrentes da festa têm sido relatados pela população. Na Praça João Gentil, no Benfica, foram registrados roubos, paredões apreendidos e até um abaixo-assinado para que a Prefeitura de Fortaleza mude a localização do polo por causa do barulho e da insegurança. Segundo a Prefeitura, serão tomadas medidas de reforço na segurança e na fiscalização para os polos do Benfica e do Mercado dos Pinhões.

Para Gilvan Paiva, titular da Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor), os transtornos não podem ser vistos de modo isolado, como provenientes do Carnaval, mas sim como problemas comuns a toda a Cidade. “Uma vez que a gente percebe que existem alguns lugares que começam a se exacerbar, então há um deslocamento de reforço”, assegura.

No último sábado, 1, o Centro Dragão do Mar e Arte e Cultura fechou por conta de “transtornos causados pela programação não oficial de Pré-Carnaval que tem ocorrido, aos sábados, nas proximidades do Centro Dragão do Mar”, segundo nota enviada ao O POVO. O Órbita Bar, nas proximidades do Dragão do Mar,  também não funcionou no sábado, 1º de fevereiro. A casa afirmou que o fechamento ocorreu por conta de delitos e ações de violência que ocorrem após programação de Pré-carnaval na Cidade.

O secretário acrescentou que a maior dificuldade está no pós-evento. Isso porque, depois que a festa acaba, algumas pessoas insistem em prorrogar a folia por conta própria e a dispersão tende a ser mais lenta. Ele garantiu também que a pasta está em constante diálogo com a Polícia Militar, a Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis) e outros órgãos da Prefeitura para acompanhar a situação. 

O tenente coronel Vandicles Sérgio, da Polícia Militar, certifica que o evento tem sido tranquilo de modo geral e a maioria das ocorrências está relacionada à poluição sonora e a alguns casos de furtos isolados. “Os polos do Benfica e Mercado dos Pinhões terão atenção especial. As pessoas se alongam um pouco na bebida e no uso de paredões, mas nós vamos planejar ações no sentido de orientação e de prevenção e, se for o caso, de repressão”, afirma.

Em coletiva para divulgar a programação do Carnaval Fortaleza 2020, o prefeito Roberto Cláudio disse que a maior parte dos problemas registrados no Pré-Carnaval são "quase todos por excessos pessoais”. Entre os dias 21 e 25 de fevereiro, a Capital recebe atrações nacionais e locais em 10 polos.