PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Homem que matou adolescente por dívida de R$ 20 em Fortaleza é condenado a 16 anos de prisão

Ele já cumpria pena de 44 anos e seis meses de prisão pelo latrocínio de um policial militar e um idoso de 83 anos

10:39 | 16/04/2019

Gabriel Alves de Lima, de 23 anos, o Biel, foi condenado por homicídio duplamente qualificado. Francisco Eduardo Ferreira do Vale foi morto aos 16 anos, com seis tiros, por dívida de R$ 20 em drogas. A sentença foi de 16 anos de prisão em regime inicial fechado, proferida nessa segunda-feira, 15, pelo juiz Eli Gonçalves Júnior, da 1ª Vara do Júri.

Biel já cumpria pena de 44 anos e seis meses de prisão pelo latrocínio (roubos seguido de morte) de um policial militar e um idoso de 83 anos.

O assassinato de Eduardo aconteceu em 27 de julho de 2015, na Barra do Ceará, em Fortaleza. As qualificadoras do crime foram motivo torpe e recurso que impossibilitou a defesa da vítima, de acordo com o promotor de Justiça responsável pelo caso, Marcus Renan Palácio.

Conforme os autos, Eduardo foi pagar R$ 80 da dívida de R$ 100 a Gabriel. O criminoso atribuiu o crime à fração restante, de R$ 20. A vítima era usuária de cocaína e maconha desde os 13 anos.

Condenações

Biel já cumpria pena de 44 anos e seis meses de prisão por dois latrocínios e responde ainda por tráfico de drogas.

Foram as vítimas de latrocínio o policial militar Augusto Herbert Rabelo Félix, de 27 anos, lotado no Batalhão de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio), e o comerciante José Vilemar de Freitas, de 83 anos. Ambos foram assassinados no dia 12 de fevereiro de 2016.

Lucas Braga