PUBLICIDADE
Notícias

Número de presos e apreendidos em ataques no Ceará sobe para 50

As diligências seguem em andamento com equipes de policiais civis e militares

21:25 | 04/01/2019

Até o fim da tarde desta sexta-feira, 4, o número de presos e apreendidos por envolvimentos nos ataques em Fortaleza, Região Metropolitana e Interior subiu para 50.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), as investigações são coordenadas pela Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco). As diligências seguem em andamento com equipes de policiais civis e militares.
[SAIBAMAIS]

Uma das ações reveladas pelo secretário foi o envio de equipes da Polícia Civil para o interior da Casa de Privação Provisória de Liberdade 3 (CPPL 3), onde mais de 250 detentos foram autuados por envolvimento em distúrbios na unidade. Até o fim da tarde desta sexta-feira, 72 internos foram autuados por desobediência, resistência e motim.

 

Confira a cobertura do O POVO sobre a onda de ataques no Ceará:
 
3/1/2019



























17h38min. |