PUBLICIDADE
Notícias

Fortaleza terá coleta extra de lixo e reposição de lâmpadas com apoio da PM a partir desta quarta

13:03 | 09/01/2019
NULL
NULL
[FOTO1]Ônibus de Fortaleza continuarão circulando com presença policial ostensiva pelo menos até a próxima segunda-feira, 14. A informação é do prefeito Roberto Cláudio (PDT), que se reuniu com secretários e prestadores de serviços públicos na manhã desta quarta, 9, para definir plano de manutenção dos serviços essenciais. Dentre ações realizadas a partir de hoje, está uma operação extra de coleto de lixo noturna com apoio da Polícia Militar.

[SAIBAMAIS]De acordo com Roberto Cláudio, todos os serviços essenciais a população estão restabelecidos. A operação de coleta extra de lixo acontecerá durante a noite, com previsão para ser concluída em até quatro dias. Os veículos de coleta serão escoltados por viaturas da Polícia Militar. Bairros como Quintino Cunha, Vila Velha, Parque Santa Rosa e Planalto Vitória são beneficiados.

A capacidade total de coleta do material produzido no dia a dia também está normalizada, segundo ele. Por dia, quatro mil toneladas de resíduos podem ser recolhidas das vias da Capital. 

O conjunto de ações só foi anunciado pela Prefeitura de Fortaleza após sete dias de violência. Mais de uma centena de ataques a transporte público, prédios públicos e privados, câmeras de monitoramento e até pontes e viadutos foram registrados. Nesta manhã, o governador Camilo Santana (PT) confirmou que o número de capturados já chega a 215. As forças de segurança do Ceará e tropas federais têm trabalho em conjunto.

Roberto Cláudio anunciou ainda a reposição das lâmpadas quebradas nos últimos dias nos bairros da periferia de Fortaleza, priorizando localidades onde a PM tem prioridade de estabelecer ações operacionais. Além da pintura dos muros de escolas e postos de saúde que tenham pichações com ameaças contra a ordem pública, em atos cassificados como "vandalismo" pelo prefeito.
 
"Os indicadores de crimes na cidade de Fortaleza têm reduzido e isso se deve à política correta do governador Camilo Santana de reorganizar a administração penitenciária aqui no Estado, de garantir que os crimionosos que coordenam o crime organizado de dentro da cadeia não o façam mais", avaliou o prefeito. 
 
Serviços de saúde

Outra situação acompanhada de perto pelo Município é o funcionamento das unidades de saúde. Nessa terça-feira, 8, o Sindicato dos Médicos do Ceará chegou a orientar os profissionais da saúde a não comparecerem aos locais de trabalho. Logo depois, a Secretaria Municipal da Saúde de Fortaleza (SMS) informou que servidores de postos de saúde da Capital que faltarem ao trabalho terão ponto cortado com desconto salarial

Foram registradas invasões nos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) dos bairros Bela Vista e João Paulo II. "É muito importante que não haja nenhuma interrupção no serviço público. Ontem mesmo a polícia prendeu criminosos e, a partir de amanhã, os dois Cras voltam a funcionar", afirma.

Ainda de acordo com o pedetista, houve registro de ausência de profissionais em alguns postos da Capital. "Vou visitar vários equipamentos de saúde e de assistência social que foram alvo de ameaças ou de ações para entender a situação e garantir com apoio da polícia que os serviços voltem ao normal".
TAGS