PUBLICIDADE
Fortaleza
onda de ataques

Centro comunitário desativado é alvo de incêndio criminoso no bairro Dias Macedo

Três homens passaram no local e atearam fogo contra o prédio. Todos os materiais que haviam no Centro foram perdidos

07:33 | 11/01/2019

Atualizada às 09h47min 

(Foto: Germana Pinheiro/ O POVO CBN)

O Centro Comunitário Padre Guilherme Wassen, localizado no bairro Dias Macedo, foi incendiado por criminosos e teve perda total dos materiais que estavam dentro do prédio. O centro está desativado e atualmente funcionava apenas com um depósito. De acordo com o tenente Romário Fernandes do Corpo de Bombeiros Militar do Ceará (CBMCE), não havia ninguém no local, portanto não houve feridos.
(Foto: via Whatsapp O POVO)
 
O crime foi registrado por volta das 23h30min dessa quinta-feira, 10. Duas guarnições de combate a incêndio do CBMCE estiveram na ocorrência. Conforme o tenente Romário, o combate às chamas foi rápido e terminou em 30 minutos. A Rádio O POVO/CBN esteve no centro comunitáriono na manhã desta sexta-feira, 11 e pôde constatar fumaça  e cheiro intenso de queimado.
 
Moradores relatam que os criminoso entraram por um terreno nos fundos do local, onde há um terreno abandonado. Um vigia informou que a vigilância do centro acontece diariamente durante o dia mas no período da noite é "dia sim, dia não". O incêndio ocorreu justamente na noite sem vigilante.  
 
Testemunhas viram três homens ateando fogo no local. "Havia muitas cadeiras, latas de tinta e outros materiais. Lá funcionava como uma espécie de depósito, tudo foi perdido no fogo. O teto também ficou muito danificado", informou o CBMCE. Já são 10 dias da onda de ataques promovida por facções criminosas. 
 
Com informações da repórter Germana Pinheiro  

MATHEUS FACUNDO