PUBLICIDADE
Notícias

A Funceme acerta ou erra mais nas previsões de chuva?

De acordo com prognóstico divulgado nesta sexta-feira, a expectativa é de chuvas dentro da média no Ceará. Nos últimos seis anos, a hipótese mais provável apontada pela Fundação se concretizou

13:00 | 18/01/2019
NULL
NULL
Atualizada às 12 horas de 21/1/2019
 
[FOTO1]
Seis dos últimos sete prognósticos apresentados pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) apontaram a projeção de chuvas que efetivamente se concretizou. O órgão indicou os dois últimos anos de chuva dentro da média, os quatro anos anteriores a estes com estiagem e só em 2012 apontou como hipótese mais provável cenário que não se concretizou. 
Em 2019, apesar da possibilidade da incidência do El Niño, a Funceme prevê chuvas dentro da média.
 
 
A Funceme trabalha com probabilidades. Portanto, nunca crava um resultado como líquido e certo, apenas indica as chances de ocorrer um cenário ou outro. Para 2019, por exemplo, há 40% de chances de as chuvas estarem em torno da média, mas 30% de elas ficarem acima da média e 30%, abaixo da média. Nenhuma das hipóteses é desprezível. De modo que, pór mais que se fale popularmente dos erros da Funceme, os prognósticos apontam probabilidades estatísticas para quaisquer das hipóteses. Em nenhum dos casos, pode-se dizer que a projeção estava errada. Ainda assim, nos seis últimos anos, a hipótese mais provável efetivamente ocorreu. 
 
Dos sete prognósticos avaliados pelo O POVO, 2012 foi o único ano em que a maior probabilidade indicada pela Funceme não se confirmou. De acordo com relatório divulgado naquela edição, as precipitações da quadra chuvosa tiveram 40% de possibilidade de chuvas dentro da normalidade. No entanto, o ano teve a pior quadra chuvosa dos últimos cinco anos: somente 302,5mm. A média da quadra chuvosa no Ceará é de 600,7mm.

De 2013 a 2016, as chuvas seguiram abaixo da média histórica, conforme indicado nos últimos prognósticos. No entanto, em 2017 e 2018, a previsão do órgão apontava para precipitações dentro da média (30%) e acima da média (40%), respectivamente. Os dois últimos anos ficaram em torno da média. 
 
O Ceará deve ter chuvas em torno da média em 2019, de acordo com prognóstico apresentado pela Fundação na manhã desta sexta-feira, 18. A previsão é para o período de fevereiro a abril, os três principais meses da quadra chuvosa, que abrange também o mês de maio.


Média histórica da quadra chuvosa (favereiro a abril): 510,1 mm

Observado de cada ano (fevereiro a abril):
2012 - 283,9mm (probabilidade indicada pela Funceme: em torno da média)
2013 - 272,1mm (probabilidade indicada pela Funceme: abaixo da média)
2014 - 375,1mm (probabilidade indicada pela Funceme: abaixo da média)
2015 - 381mm (probabilidade indicada pela Funceme: abaixo da média)
2016 - 279,9mm (probabilidade indicada pela Funceme: abaixo da média)
2017 - 482,2mm (probabilidade indicada pela Funceme: em torno da média)
2018 - 541,4mm (probabiloidade indicada pela Funceme: acima da média)
 
Parâmetros de avaliação: 
Abaixo da média: 0 a 433.1mm
Em torno da média: 433.1 a 587.1mm
Acima da média: acima de 587.1mm
 
Redação O POVO Online

TAGS