Seis delegados da Polícia Civil investigarão ataque em Milagres; 40 servidores trabalharão no casoNotícias de Fortaleza
PUBLICIDADE
Notícias


Seis delegados da Polícia Civil investigarão ataque em Milagres; 40 servidores trabalharão no caso

O secretário da Segurança assinou nesta tarde a portaria que nomeia a comissão. A apuração deve ser concluída no prazo de 30 dias

21:56 | 10/12/2018

O secretário da Segurança Pública do Estado do Ceará, André Costa, assinou, na tarde desta segunda-feira , 10, a portaria que nomeia comissão destinada a apurar, no prazo de 30 dias, o ataque a cidade de Milagres que resultou na morte de 14 pessoas. Ao todo, 40 servidores, entre policiais civis e profissionais da Perícia Forense, vão oferecer suporte na apuração. As informações são da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Foram designados o diretor do Departamento de Polícia do Interior Sul (DPI Sul) e presidente da comissão, delegado Ricardo Gonçalves Pinheiro; o diretor do Departamento de Polícia Especializada (DPE), delegado Pedro Viana de Lima Júnior; o titular da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), Ricardo Romagnoli do Vale; o delegado do Departamento de Inteligência Policial (DPI), Antônio Edvando Elias de França Júnior; o delegado regional de Brejo Santo, Cristiano de Morais Pereira; e o delegado municipal de Milagres, Rogny Rodrigues Silva Filho.
[SAIBAMAIS]
Já nos trabalhos periciais, a equipe é formada pelos profissionais da sede de Fortaleza e da cidade de Juazeiro do Norte. Os servidores que integram a comissão nomeada nesta segunda são: o coordenador (em exercício) de Medicina Legal (Comel) e médico perito legista, Juts Érico Cavalcante Dias; o coordenador de Perícia Criminal (Copec) e perito criminal, Rômulo de Oliveira Lima; o coordenador (em exercício) de Identificação Humana e Perícias Biométricas (CIHPB) e perito criminal, Antônio Rubens Lima Chaves; e a coordenadorade Análises Laboratoriais Forenses (Calf) e perita criminal, Manuela Chaves Loureiro Cândido.  

 

Redação O POVO Online

TAGS