PUBLICIDADE
Fortaleza
Duplo homicídio

Ataque ordenado por facção gera medo em moradores do bairro Manoel Dias Branco

Com medo de represálias, os populares evitaram dar detalhes sobre a ocorrência

19:08 | 06/12/2018
Atualizada às 21h
Crime aconteceu na esquina da rua Francisca Maria Segundo com rua Vitória da Conquista (Foto: O POVO)
Ataque ordenado por facção no bairro Manoel Dias branco, que deixou duas pessoas mortas e outras três feridas, na tarde desta quinta-feira, 6, gerou onda de medo nos moradores da região. A equipe de reportagem do O POVO Online esteve na rua Vitória da Conquista, local onde aconteceu o crime. Com medo de represálias, os populares evitaram dar detalhes sobre a ocorrência.
 
Pichações ameaçam pessoas que desejam entrar no bairro (Foto: O POVO)
Além disso, populares tinham temor de indicar o local de ocorrência do assassinato. A região é cercada por pichações que ameaçam pessoas que pretendem transitar pelo bairro. Ao chegar no local, a reportagem do O POVO Online encontrou muro da escola Maria Odnilra Cruz Moreira com a mensagem: "Veículo, ao entrar baixe o vidro. Moto, tire o capacete". Ainda no mesmo local, outra pichação dizia: "Bem-vindo ao inferno".
 
"bem-vindo ao inferno" dizia uma das pichações. (Foto: O POVO)
Segundo o coordenador do Comando de Policiamento da Capital (CPC), major Rômulo Cavalcante, a ação criminosa teria sido motivada por disputa do território, dominado pela facção. As mensagens nos muros do bairro tinham assinaturas do Comando Vermelho (CV) e Guardiões do Estado (GDE).
 
A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) confirmou que uma das vítimas foi identificada como Jociliano Gomes Soares de Lima, de 19 anos. Ele não possuía antecedentes criminais. Até a publicação desta matéria, a segunda vítima não havia sido identificada.
 
Um carregador de fuzil, com 20 munições, foi apreendido no local. O Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga a ocorrência para identificar os autores do crime.
 
Redação O POVO Online