PUBLICIDADE
Notícias

Delegada que teve prisão decretada consegue habeas corpus

Advogado da Adepol classifica o mandado como "indevido" e "insustentável"

13:21 | 29/07/2018
A delegada Patrícia Bezerra, ex-titular da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD), conseguiu habeas corpus contrapondo a ordem de prisão decretada durante a Operação Vereda. Deflagrada pela Polícia Federal (PF), na manhã dessa sexta-feira, 27, a determinação foi considerada “indevida” e “insustentável” por Leandro Vasques, advogado da Associação dos Delegados da Polícia Civil do Ceará (Adepol).
  
“Essa prisão é tão indevida, tão insustentável, que o Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5), às 20 horas, concedeu habeas corpus determinando o não cumprimento da prisão da delegada”, informou Vasques ao O POVO Online.
 [SAIBAMAIS] 
Além de Patrícia, outras 15 pessoas tiveram mandados de prisão expedidos nesta que é a segunda fase da Operação Vereda. De acordo com Leandro Vasques, a delegada deslocava-se para a região do Cariri com objetivo de cumprir a decisão judicial. “Mas nesse intervalo de tempo, nós manejamos o habeas corpus, que obteve liminar desobrigando-a de se apresentar. Portanto, ela permanece em liberdade”, disse.
TAGS