PUBLICIDADE
Fortaleza
Combate às facções

Governo disponibiliza prédio para instalação de Centro de Inteligência

Estado aguarda definição federal. Equipamento não tem local ou data prevista de funcionamento

16:35 | 13/03/2018
(Foto: Governo do Estado do Ceará/Dvulgação)
 
O governador Camilo Santana (PT) afirmou que já disponibilizou ao Governo Federal diversas opções de prédios públicos para a instalação no Ceará do Centro Regional de Inteligência Integrado permanente do Brasil. Anunciado na última quarta-feira, 7, como ferramenta inédita no combate ao crime organizado em âmbito nacional, o equipamento ainda não local ou data prevista para funcionamento.

“Há várias alternativas. Estou aguardando a presença do ministro (da Segurança Pública, Raul Jungmann) para ele se posicionar sobre a demanda: quantos profissionais vão ser, qual área precisa ter. Estou colocando um leque de opções de escolha para que a gente possa acelerar e não perder tempo. Não quero que esse centro seja implementado daqui a alguns meses ou ano. Quero que seja imediato”, defendeu o governador.

Conforme O POVO publicou no domingo, 11, ainda esta semana, Jungmann virá ao Ceará, acompanhado do ministro da Defesa, general do Exército Joaquim Silva e Luna. Na ocasião, serão discutidas as necessidades para a instalação do centro. A data da visita, porém, ainda não foi definida.

A declaração de Camilo foi dada em entrevista coletiva, realizada na manhã de segunda-feira, 12, no Palácio da Abolição, sedo do Governo. O governador anunciou que 22 novas equipes do Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) devem atuar em Fortaleza nos próximos dias, também como forma de reação à Chacina do Benfica, ocorrida na noite da última sexta-feira

THIAGO PAIVA