Colecionador de bonecas monta ensaios fotográficos em cartões-postais de FortalezaNotícias de Fortaleza
PUBLICIDADE
Notícias


Colecionador de bonecas monta ensaios fotográficos em cartões-postais de Fortaleza

Cliques e produções profissionais foram motivados pela paixão do colecionador e designer. Entre os locais escolhidos para os ensaios, Praça do Ferreira e Jardim Japonês; confira os resultados

17:28 | 31/01/2018
Foi com a vontade de retratar as bonecas como verdadeiras modelos, que o designer Carlos Augusto, de 25 anos, começou a fotografá-las com grande produção. Desde 2015, os mais de 4,5 mil seguidores no Instagram veem fotos produzidas em estúdio e, principalmente, "divando" em cartões-postais de Fortaleza.
 
[VIDEO3] “Comecei a me interessar por fotografia e comprei câmera profissional para retratá-las como eu queria”, frisa. Valorizar os espaços públicos de Fortaleza foi ideia que o popularizou. Uma no Jardim Japonês, outra na frente do Cineteatro São Luiz, mais algumas na Praia do Futuro. Tem boneca-modelo até em Montreal e Quebec, no Canadá
 
[VIDEO4] 
Ele conta que apenas a produção do cabelo de uma boneca pode chegar até a três meses de trabalho. Eles vestem adaptações de vestidos Versace, sapatos Louboutin e bolsas Louis Vuitton, por exemplo.

“Algumas peças eu mesmo costuro, mas, na maioria das vezes, compro de amigos especialistas em roupas de boneca”, detalha. %u200BEle garante que são verdadeiras réplicas, com etiqueta, zíper, botão e forro, produzidas com tecidos finos.
 
[VIDEO5]
Símbolos
Formado em visagismo, Carlão, como é conhecido, diz que sempre foi um apaixonado pela estética e pelo universo feminino. Para ele, as bonecas são “representações exageradas desse glamour”.
 
[QUOTE1] 
Colecionador de bonecas há mais de 10 anos, ele já perde as contas de quantas teve. A coleção de Barbies ultrapassou 500 unidades, mas ele se desfez e manteve apenas as Fashion Royalty, bonecas americanas produzidas em edição limitada e de maior variação estética. Há bonecas que fogem aos padrões de magreza e cores de pele e cabelo, por exemplo.
 
No ínicio, ainda adolescente, o designer lembra que houve dificuldade de aceitação em casa. O preconceito só cessou aos 16 anos. “Eu juntava dinheiro do lanche para comprar bonecas. Hoje, coleciono essas bonecas mais exclusivas e gosto de customizá-las: pensar roupa, maquiagem e até implantar cabelo, unhas e cílios”, conta.

[SAIBAMAIS]Normalmente, uma boneca custa aproximadamente R$ 300, mas edição especial de bonecas gêmeas já chegou a custar R$ 5 mil. Outra curiosidade é que ele não brinca com as bonecas, apenas as deixa arrumadas como que “para uma festa que nunca chega”.

Eventos
Carlão já expôs bonecas no Shopping Benfica e no evento de moda autoral Dragão Fashion Brasil, em 2015.

Outro momento marcante foi o presente dado por ele à cantora Claudia Leitte. Uma boneca a replicava como no cenário do programa The Voice Brasil, da TV Globo, onde a artista é jurada. 
 
[VIDEO1]
 [VIDEO2]

TAGS