PUBLICIDADE
Notícias

Procon indica estabilidade em preços praticados por supermercados na Capital

Levantamento do órgão aponta que, entre outubro e novembro, houve estabilidade no preço dos itens pesquisados nos supermercados

18:48 | 28/11/2017
Mulher escolhe produtos no supermercado
Mulher escolhe produtos no supermercado
[FOTO1]A soma dos preços dos 47 produtos verificados em supermercados da Capital cresceu 0,16% neste novembro (R$ 274,58), quando comparado ao último outubro (R$ 274,13), segundo pesquisa do Departamento Municipal de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon Fortaleza), realizada entre 22 e 23 deste mês em 10 estabelecimentos localizados em todas as regionais. Apesar do aumento, o órgão aponta estabilidade nos preços. 
 
A maior variação (279,62%) foi observada no preço do quilo do alho, pelo segundo mês consecutivo. O tempero pode ser encontrado por valores de R$ 7,90 a R$ 29,99. Em seguida, aparece a cebola, com preço que vai de R$ 1,29 a R$ 3,99, diferença de 209,30%. 
 
O comparativo de preços leva em consideração produtos iguais e de mesma marca em cada supermercado pesquisado. A intenção é indicar para o consumidor os estabelecimentos com preços mais caros e mais baratos. 
 
Na pesquisa, os itens são divididos por alimentação, higiene pessoal, limpeza doméstica e cuidados infantis. Os preços são coletados presencialmente. 
 
Redação O POVO Online 
TAGS