PUBLICIDADE
Notícias

Motorista é ameaçado e grupo armado ateia fogo em ônibus

Veículo foi parcialmente queimado. Motoristas se reuniram para ajudar o colega e apagaram o fogo

21:28 | 06/11/2017
NULL
NULL
[FOTO1]

O motorista de ônibus que fazia a linha Cuca Barra/ Parangaba foi abordado por homens armados e o coletivo foi incendiado na noite desta segunda-feira, 6, na avenida Coronel de Carvalho, Barra do Ceará.

O POVO apurou que o veículo da empresa Aliança apresentou um problema de bateria. O motorista parou o ônibus na pracinha localizada na via, próximo à sede do Ferroviário Atlético Clube. A empresa foi acionada e outro coletivo foi encaminhado para recarrer a bateria de um ônibus para outro.

Conforme a fonte, no momento que o coletivo funcionou chegaram quatro homens encapuzados em um automóvel Gol de cor cinza escuro e um dos criminosos colocou a arma na cabeça do motorista. Pediram que ele saísse do veículo, jogaram o conteúdo inflamável que estava em um recipiente plástico e atearam fogo.

Como o lugar é uma espécie de fim de linha, outros motoristas flagraram a ação e cada um pegou o respectivo extintor e ajudou a apagar o fogo. Veículo foi parcialmente queimado. O Corpo de Bombeiros esteve no local, assim como a Perícia Forense e a Polícia Militar.

Em contato com O POVO, o Sindiônibus confirmou o caso, mas não possuía mais informações acerca do crime. 

 

Outros casos

Há quatro dias outro ônibus foi incendiado no bairro Cajazeiras, em Fortaleza. O veículo da empresa Vega fazia a linha Antônio Bezerra/Messejana. Na ocasião, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) disse que um dos criminosos informou ao motorista que o ataque era para vingar a morte do integrante de uma facção criminosa. 

 

No dia 1º de novembro um motorista de ônibus foi esfaqueado no bairro Conjunto Ceará. No mesmo dia houve uma pralisação no terminal do bairro, promovida pelo Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Estado do Ceará, devido a violência sofrida pelo profissional. 

 

TAGS