PUBLICIDADE
Notícias

Campanha Natal sem Fome arrecada alimentos para doação

Com o retorno do Brasil ao mapa da fome, o Instituto Nordeste Cidadania (Inec) destinará as doações a 35 instituições do Ceará

13:50 | 28/10/2017
NULL
NULL
[FOTO1] 
 
Em meio a amarelinha, pula-corda, dança, música, pintura facial e pic-nic, um chamado para a doação de alimentos. Três anos após sair do mapa mundial da fome da Organização das Nações Unidas (ONU), o Brasil retorna à lista e preocupa entidades como o Instituto Nordeste Cidadania (Inec). A campanha Natal Sem Fome foi lançada na manhã deste sábado, 28, no Passeio Público de Fortaleza, com programação para o público infantil. 

Do total de 11% da população mundial, no Brasil, sete milhões de pessoas passam fome, de acordo com pesquisa do PNAD/IBGE. Desde 2006, o foco das campanhas do Inec é voltado para a arrecadação de livros e brinquedos. Com a piora no cenário da fome, os alimentos voltaram a ser o principal pedido. As doações arrecadadas serão destinadas a 35 associações de Fortaleza e do interior do Ceará que são cadastradas e atuam com crianças. 

“Voltamos a recolher alimentos, além de brinquedos, e queremos fazer uma grande rede de solidariedade”, frisa a diretora administrativa e de responsabilidade ambiental do Instituto, Helda Pereira.

No lançamento da campanha, Lara, de oito anos, aproveitou para se divertir. Depois de pular corda, foi a vez de pintar o rosto. “Eu tava ansiosa para vir, é a segunda vez”, conta. Ela e outras 21 crianças que integram o Instituto Colorir, foram participar das atividades. A entidade realiza ações de teatro e dança com crianças no bairro Ellery. 
 
Assim como ela, crianças de instituições que serão beneficiadas com a campanha aproveitaram a programação. 

Serviço
Como doar
Além de alimentos não perecíveis, serão recebidos livros infantis e/ou educacionais, brinquedos educativos, água para consumo, kits de higiene e limpeza (para os asilos, creches, orfanatos ou similares), material escolar

Onde: Sede do Inec, Unidades do Banco do Nordeste e todos os Pontos de Atendimento dos Programas Agroamigo e Crediamigo

Mais informações: (85) 3209. 9235 
 
Ana Rute Ramires 

TAGS