PUBLICIDADE
Notícias

Após liminar impedindo paralisação, servidores do Detran fazem ato no Palácio da Abolição

Liminar restringe o acesso indevido a qualquer área da sede do Detran por funcionários ou usuários sob pena de multa diária de R$ 10 mil. Os trabalhadores prometem ficar na rampa de acesso do Palácio por tempo indeterminado

19:40 | 09/10/2017
NULL
NULL

[FOTO1] 

Um grupo de servidores do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) faz ato nesta segunda-feira, 9, reivindicando reestruturação do Plano de Cargos da categoria, dentre outros benefícios, de acordo com o Sindicato dos servidores do Detran (Sindetran/CE). A mobilização ocorre com trabalhadores acorrentados à rampa de acesso do Palácio da Abolição. O Detran respondeu que as pautas propostas foram atendidas.

Na última sexta-feira, o Detran divulgou que conseguiu liminar, junto à 5ª Vara da Fazenda Pública, prevendo multa para "ocupação e invasão indevida do órgão". A liminar restringe o acesso indevido a qualquer área da sede do Detran por funcionários ou usuários sob pena de multa diária de R$ 10 mil, em prejuízo à prestação dos serviços públicos, assegurando o funcionamento normal do órgão.

Com a liminar, os trabalhadores prometem ficar na rampa de acesso do Palácio por tempo indeterminado. Eliene Uchoa, presidente do Sindetran, denuncia que advogado do órgão teria assediado os funcionários.

Os servidores reivindicam, além do plano de carreiras, salários e concursos públicos para renovação do quadro de funcionários em três setores - que segundo a presidente já não é renovado há 36 anos.

Resposta
Em nota, o Detran informou que as pautas propostas pelo sindicato foram atendidas. “O concurso para preenchimento de 383 vagas, para contratar novos servidores e a criação do cargo técnico-administrativo. Outra pauta proposta foi a descompressão do Plano de Cargos e Carreiras, que já está em análise na Secretaria de Planejamento e na Procuradoria Geral do Estado. O sindicato procurou nesta tarde o secretário-chefe da Casa Civil, Nelson Martins, que por impossibilidade de agenda, não pode receber o pequeno grupo de 10 servidores que estiveram no Palácio da Abolição. O Governo do Ceará continua com a mesma postura de negociar com as categorias, A grande maioria dos servidores ativo do Detran já sem entender esssa postura radical da direção do sindicato”, diz a nota.

Redação O POVO Online

TAGS