PUBLICIDADE
Notícias

No Ceará, vacina contra gripe permanece para grupos prioritários até o próximo dia 9

A Secretaria da Saúde do Estado afirma que a medida foi tomada considerando que a meta de vacinar a população prioritária ainda não foi atingida como esperado

13:20 | 04/06/2017
Mesmo com o anúncio do Ministério da Saúde de estender a campanha contra a gripe para toda a população, a vacinação no Ceará vai continuar restrita para os grupos prioritários até o próximo dia 9. Em nota, a Secretaria de Saúde do Estado do Ceará (Sesa), esclarece porque decidiu manter a data acordada anteriormente com o Ministério da Saúde.

A meta, conforme a pasta, é ampliar a cobertura para a população mais vulnerável, que inclui crianças de seis meses a cinco anos, gestantes e mulheres que foram mães há até 45 dias.
 
Também entram nesse grupo trabalhadores de saúde, população indígena, pessoas com doenças crônicas, presos e funcionários do sistema prisional, além de professores. 

A Sesa afirma que a medida foi tomada considerando que a meta de vacinar a população prioritária ainda não foi atingida como esperado, devido à epidemia de chikungunya que o Ceará enfrenta. 

"O Programa Estadual de Imunizações/Coordenadoria de Promoção e Proteção à Saúde (Coprom) da Secretaria da Saúde do Ceará vem acompanhando,
incentivando e orientando os municípios a idenficarem estratégias para buscar os 27% ainda não vacinados dos grupos prioritários", diz a nota técnica.

Pessoas fora dos grupos prioritários poderão ser vacinadas a partir do próximo dia 12, caso ainda tenha estoque da vacina.

Redação O POVO Online
TAGS