PUBLICIDADE
Notícias

Homem resgata idoso de prédio em chamas em Fortaleza

"Estamos na rua e não sabemos o que vai acontecer", afirmou o lutador de artes marciais, Marcos Cirino, ao O POVO Online

18:15 | 11/05/2017
NULL
NULL

[FOTO1]Um homem de 32 anos salvou a vida de um idoso na manhã desta quinta-feira, 11, no Bairro Cocó, em Fortaleza. O lutador de artes marciais, Marcos Cirino, estava a caminho do treino, quando avistou um incêndio. O profissional resolveu desviar sua rota para verificar o que estava acontecendo no local.

 

 

Ao chegar, o lutador se deparou com uma mulher, que gritava desesperadamente por ajuda. "Meu pai vai morrer", narra o lutador ao O POVO Online. Sem pensar duas vezes, Cirino a questionou qual andar o idoso estava, largou sua moto e foi até lá. "Fui pelas escadas até o 9º andar! Cheguei lá e já tinham três pessoas tentando entrar no apartamento, mas eles não conseguiram. Era muita fumaça! Peguei minha blusa e coloquei no meu rosto", ressalta.

 

Segundo ele, foram três tentativas até conseguir remover o idoso do seu quarto. "Eu não conseguia ver nada. Até que cheguei na cama dele e o coloquei no braço. Depois, gritei pelo pessoal que estava do lado de fora do apartamento para seguir as vozes até a porta", relembra o lutador.

 

Após resgatar o idoso, o atleta foi levado para o HGF, pois inalou muita fumaça. "Eu fui junto, mas encaminharam ele (idoso) para o IJF", conta. De acordo com o lutador, o idoso era cadeirante. O Corpo de Bombeiros informou que a causa do incêndio será investigada pela Perícia.

 

Marcos afirmou ao O POVO Online que nunca fez curso de resgate, porém já viveu situações de perigo. "Estamos na rua e não sabemos o que vai acontecer. Sempre dobro dois quarteirões antes, mas hoje peguei outra rota e passei em frente ao prédio", disse ele, que virou o herói do seu treinador, Fernando Moura. "Hoje eu abracei ele e já me emocionei muito", reconhece.

TAGS