PUBLICIDADE
Fortaleza
POLÍCIA

Oito presos suspeitos de participação nos ataques em Fortaleza e RMF

Mais duas pessoas foram presas nesta quinta. Seis suspeitos foram capturados nesta quarta

12:41 | 20/04/2017

Criminosos incendiaram ônibus no Castelo Encantado
 

Subiu para oito o número de pessoas presas suspeitas de envolvimento nos ataques a veículos e prédio em Fortaleza e Região Metropolitana, iniciados nesta quarta-feira, 19, com novos registros nesta quinta-feira, 20. Mais dois homens foram capturados nesta quinta, nos bairros Vila Velha e Edson Queiroz. As investigações estão a cargo da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), com o apoio do Departamento de Inteligência Policial (DIP).


Na manhã desta quinta-feira, um homem suspeito de participação nas ações criminosas foi preso no bairro Vila Velha. Na região, um ônibus da linha 221 - Vila Velha/Riomar Kennedy foi incendiado por volta das 8h30min. O suspeito será conduzido para a Draco para ser ouvido.


Na madrugada desta quinta, um homem foi preso sob suspeita de envolvimento nos ataques ocorridos no bairro Edson Queiroz, na tarde de quarta. Hoje, foram confirmados cinco ônibus incendiados nos bairros Vila Velha, Castelo Encantado, Padre Andrade, Arvoredo e no Canindezinho. Ontem, 21 veículos foram atacados.


Além da dupla, a Polícia capturou, nesta quarta, seis pessoas suspeitas de participação nos ataques. Um deles é Francisco Bruno Pacheco da Silva, 26 anos, sem antecedentes, que deu entrada em uma unidade de saúde com queimaduras no corpo e foi autuado por associação criminosa, dano e também no crime de causar incêndio expondo a perigo a vida, a integridade física ou o patrimônio de outrem. Ele está internado sob custódia policial.

Outros presos

Um homem foi preso em flagrante, pelo Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio), após uma tentativa de incêndio a coletivo, ocorrida no bairro José Walter. O primeiro capturado, Fábio Tomé de Souza, 18, que já responde por tráfico de drogas, roubo e porte ilegal de arma de fogo, foi conduzido para a sede da Draco, onde foi autuado em flagrante por organização criminosa, porte ilegal de arma de fogo e dano.


Um segundo suspeito foi ouvido, também na especializada, onde foi lavrado um boletim de ocorrência e, em seguida, foi liberado. Um terceiro investigado, identificado por Raimundo Aliçon Caetano da Silva, 19, deu entrada em uma unidade de saúde apresentando queimaduras. Ele está sob custódia policial e também foi autuado em flagrante por organização criminosa, porte ilegal de arma de fogo e dano. A companheira do suspeito foi conduzida a uma unidade da Polícia Civil para ser ouvida.

Ônibus

Apesar dos ataques, os ônibus vão circular normalmente nesta quinta, afirma o Sindiônibus. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ação conjunta dos órgãos do Sistema de Segurança do Estado, Guarda Municipal de Fortaleza, Etufor, Sindiônibus e Sindivans garante circulação de ônibus.