PUBLICIDADE
Notícias

Diarreia aguda atinge mais de 8 mil pessoas em Fortaleza

Mais de 119 mil pessoas em todo o Estado tiveram a doença neste início de abril. O surto acontece em 17 cidades do Ceará

16:33 | 05/04/2017
O surto de diarreia aguda atinge 119.565 pessoas em todo o Estado, segundo o boletim da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) publicado na última sexta, 31. Somente em Fortaleza, 8.465 pessoas tiveram a doença que atinge, preferencialmente, crianças e idosos. O surto foi verificado em 17 cidades do Estado. Sobral, na Região Norte do Estado, registrou 4.097 casos de Doença Diarreica Aguda (DDA) e foi a segunda cidade com o maior número de casos.

A doença é causada por vírus ou bactéria e a transmissão se dá por meio do contato com pessoas infectadas ou animais e ainda contágio indireto, quando é passado pela água ou objeto contaminados. Segundo a enfermeira Sarah Mendes, assessora técnica da Coordenadoria de Promoção e Proteção à Saúde, da Sesa, o período de chuvas é mais propício para aumento da transmissão da doença.

“Quando aumentam as chuvas, as pessoas tendem a ter mais doenças porque, pela falta de saneamento em muitos lugares, o esgoto corre dentro de casa”, diz a enfermeira. Ela enfatiza que "cuidados com a higiene são fundamentais".

A doença pode causar a evacuação quatro ou mais vezes por dia e costuma ocorrer principalmente em crianças e idosos. Ainda de acordo com a enfermeira, pode acometer ainda pessoas que tenham doenças imunodepressoras, como HIV ou tuberculose. 

A orientação da enfermeira é ter cuidado redobrado com a higiene e a manipulação dos alimentos. “Principalmente para pessoas que trabalham em locais como escolas e creches, fiquem atentos e lavem sempre as mãos”, recomenda. A limpeza também deve ser dada nos ambientes, para evitar a proliferação de ratos, baratas, moscas e formigas.
 
Redação O POVO Online 
TAGS