PUBLICIDADE
Notícias

Mulheres são condenadas a mais de oito anos de prisão por roubo

Crime aconteceu em fevereiro de 2016. Segundo inquérito policial, as duas, junto com um homem, ainda agrediram as vítimas a pauladas

19:24 | 24/01/2017
Em primeira instância, Maria Cláudia Soares de Lima e Maria Tayana Pereira dos Santos foram condenadas, nessa sexta-feira, 20, a oito anos, quatro meses e 24 dias de prisão, por um roubo ocorrido em fevereiro de 2016. As duas haviam sido presas em flagrante após tomar de assalto o celular de um casal que trafegava em uma moto, na praça conhecida como Carandiru, no bairro Carlito Pamplona. 

Consta nos autos do processo que as duas passaram a agredir as vítimas a pauladas, após empurrá-las ao chão. O casal alvo da tentativa de assalto havia parado no local para atender um telefonema, quando foi abordado por duas mulheres e um homem, que perguntavam "o que as vítimas faziam na área deles". "Ao responder que só estava atendendo um telefonema, o casal foi informado de que só poderia sair do local após dar todos os pertences", conforme consta no processo e divulgado pelo Tribunal de Justiça do Ceará (TJ-CE).

As agressões só pararam com a chegada da Polícia Militar. O homem conseguiu fugir, mas as mulheres foram presas. Maria Cláudia já respondia por tráfico de drogas. Ela foi flagrada com cocaína, junto com mais duas pessoas, em dezembro de 2014, no bairro Cristo Redentor. Maria Cláudia foi impedida de responder em liberdade, visto a sua "periculosidade", conforme decisão da juíza Fabiana Silva Felix da Rocha, da 4ª Vara Criminal do Fórum Clóvis Beviláqua.

Redação O POVO Online
TAGS