PUBLICIDADE
Notícias

Grupo da UFC promove atividades para conscientização sobre hanseníase

A primeira ação da Liga Acadêmica será realizada das 13h às 17 horas desta segunda-feira, 23, com a I Conferência Acadêmica sobre Hanseníase

13:00 | 22/01/2017

Em alusão ao Janeiro Roxo, a Liga Acadêmica em Doenças Estigmatizantes (Lades), da Universidade Federal do Ceará (UFC), realiza atividades para a conscientização da hanseníase. A ação do grupo, formado por alunos do curso de Enfermagem, faz parte do movimento internacional para erradicar a doença crônica.

A campanha Janeiro Roxo sempre alerta sobre a hanseníase na última semana do mês. "A liga foi criada há mais de um ano, abordando a hanseníase e a tuberculose.

As atividades serão promovidas também para quebrar preconceitos, como o de que a hanseníase é transmitida pelo contato pele a pele. Na realidade, a transmissão ocorre pelo ar", explica a estudante de Enfermagem Thaís Lima, 22.

O principal indicativo da doença é o aparecimento de manchas indolores, que podem ser brancas, avermelhadas ou amarronzadas. "Você não sente calor ou coceira. Dependendo da gravidade, a pessoa com hanseníase também pode ter problemas neurológicos", frisa Thaís.

A primeira ação da Liga será realizada das 13h às 17 horas desta segunda-feira, 23, com a I Conferência Acadêmica sobre Hanseníase, nas salas 1 e 2 do Programa de Pós-Graduação do Departamento de Enfermagem da UFC.

Nesta primeira atividades, haverá o lançamento do I Curso de Tópicos Especiais em Hanseníase e Tuberculose (https://goo.gl/NGga4A), aberto a estudantes e profissionais da UFC e de outras instituições. A previsão é que o curso seja programado para os meses de fevereiro, março e abril, conforme a organização.

Os integrantes da Liga farão ainda um plantão tira-dúvidas e aferição gratuita de pressão arterial da população. Os plantões ocorrerão nos próximos dias 27, 29 e 31, respectivamente, no Vapt-Vupt Antônio Bezerra, das 8h às 11h; no Shopping Parangaba, das 14h30min às 20h30min; e na Faculdade Metropolitana da Grande Fortaleza (Fametro), das 18h às 21h.

Redação O POVO Online

TAGS