PUBLICIDADE
Notícias

Mulher é presa suspeita de participação em latrocínio que vitimou policial

Sua irmã, de 13 anos, também foi apreendida. Elas teriam pedido água ao agente da PRF, o que seria um disfarce para a atuação de uma dupla de assaltantes

11:45 | 11/11/2016
Uma jovem de 22 anos foi presa e uma adolescente de 13 apreendida pela suspeita de participação no latrocínio que vitimou o policial rodoviário federal aposentado Leomar Saraiva de Aquino, de 73 anos, crime ocorrido no domingo, 6. A operação, batizada de Vivendas, foi realizada na noite dessa quinta-feira, 10. As informações são da assessoria de imprensa da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A mulher não teve a identidade revelada pela PRF. As irmãs teriam pedido água na casa da vítima, o que seria uma distração para a atuação de dois homens, conforme apurado pela Polícia. A dupla executou Leomar com um disparo na cabeça. Os homens já foram identificados e devem ser presos nos próximos dias, informa PRF. A operação foi realizada por 40 policiais rodoviários, com apoio do Batalhão de Ronda de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) e da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Redação O POVO Online
TAGS