PUBLICIDADE
Notícias

Delegacias plantonistas suspendem registro de Boletins de Ocorrência neste fim de semana

Medida é uma resposta ao quadro de instabilidade provocado pelas seguidas fugas de presos, na última semana. Orientação do Sinpol e da Adepol é para que a população faça BOs eletrônicos até a transferência total dos detentos para unidades prisionais

17:30 | 15/10/2016
NULL
NULL

[FOTO1] 

O Sindicato dos Policiais Civis do Estado do Ceará (Sinpol), em conjunto com a Associação dos Delegados de Polícia do Ceará (Adepol), decidiu suspender o registro de Boletins de Ocorrência (BOs) nas delegacias plantonistas do Estado, neste fim de semana. A medida, segundo as entidades, tem o objetivo de evitar novas fugas e resgates, valendo até a transferência total dos detentos de Fortaleza e Região Metropolitana para as unidades prisionais. A orientação é que a população faça boletins eletrônicos via Internet.

A decisão foi tomada após 72 horas de resgates e fugas em distritos policiais e delegacias metropolitanas, na última semana. Com os incidentes, a Polícia Civil do Ceará iniciou em parceria com a Secretaria da Justiça e Cidadania força-tarefa de transferência dos presos nas delegacias da Capital e Região Metropolitana para penitenciárias.

Segundo a vice-presidente do Sinpol, Ana Paula Cavalcante, a suspensão dos BOs nas unidades plantonistas é uma resposta à insegurança. "Com essas tentativas de fugas, o cidadão é o primeiro alvo. Nos plantões, a situação piora porque temos no máximo três policiais para custodiar dezenas de presos", disse ao O POVO Online.

Ela explica que a medida começou a vigorar às 18 horas dessa sexta-feira, 14, mas o registro dos boletins será reaberto nas delegacias já esvaziadas a partir de segunda-feira, 17. "Tivemos reunião com a Adepol depois de uma ameaça de resgate de presos no 30º DP (Conjunto Palmeiras), na quinta-feira, 13, e definimos essa orientação para que o policial faça apenas a custódia dos presos. Ele não tem como saber que a pessoa que está entrando é cidadão ou alguém que vai resgatar presos", afirma.

A vice-presidente do Sinpol informou que os BOs poderão ser feitos, a partir da segunda, nas seguintes unidades: 21º DP (Maracanaú); 24º DP (Pacatuba); 29º DP (Pajuçara); 33º DP (Goiabeiras); e na Delegacia Geral da Polícia Civil (Centro).

Milton Castelo, presidente da Adepol, esclarece que a suspensão de BOs no fim de semana é uma sugestão, mas os policiais não estão obrigados a cumprir essa medida. "Achamos prudente que isso aconteça, mas não temos objetivo nenhum de se contrapor à administração ou fazer um movimento paredista. É uma medida razoável para evitar o que ocorreu no 3º DP", citou.

O delegado informou ainda que muitos policiais estão auxiliando a transferência de presos, o que fragiliza ainda mais o efetivo das unidades. "É uma paralisação parcial para acelerar a transferência. Por parte da Aepol, não é nenhuma mobilização paredista", frisou.

Polícia Civil

A Polícia Civil disse que o Sinpol, "de forma arbitrária", suspendeu os atendimentos em algumas delegacias plantonistas. Posteriormente, a SSPDS enviou nova nota sobre o caso:

''A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informa que qualquer paralisação dos serviços será comunicada à Justiça, que determinou a ilegalidade da greve dos policiais civis''.

Saiba mais 

Entre o último domingo,9, e a quarta-feira, 12, dezenove presos fugiram de delegacias da Polícia Civil em Fortaleza, por meio de resgate ou arrombamento de grades. O caso mais emblemático foi no 3º DP, quando os criminosos roubaram três armas, diversos pertences de cinco pessoas que esperavam atendimento e uma viatura descaracterizada. 

TAGS