PUBLICIDADE
Notícias

Seminário Empreender traz programação para impulsonar negócios em tempos de crise

O Seminário Empreender tem início nesta sexta-feira, 2, e vai até o dia 11 de setembro. O evento traz oficinas, palestrantes e apresentações artísticas para quem deseja impulsionar os negócios em tempos de crise

21:10 | 30/08/2016

Atualizado dia 31.08 às 22h30min

Em tempos de crise e altas taxas de desemprego, empreender é alternativa para garantir renda e lançar novos negócios. Quem enxerga assim é convidado do Seminário Empreender, que busca estimular estratégias empreendedoras para alcances econômicos. O evento, realizado pelo Grupo de Comunicação O POVO e Fundação Demócrito Rocha, traz o tema “Por um Brasil mais simples”. O Shopping RioMar acolhe o seminário entre os dias 2 e 11 de setembro.

[SAIBAMAIS1] 

O tema “Por um Brasil mais simples” foi pensado a partir da necessidade de "desburocratizar" o mercado, como explica o jornalista Nazareno Albuquerque, coordenador geral do Seminário Empreender. "No contexto de 'simples' está a liberdade ao empreendedorimo, a descomplicação para os negócios e a possibilidade dos micro e pequenos empreendedores terem oportunidades de crescer".

O Seminário Empreender completa 10 anos em 2016 e nesta edição comemorativa oferece ao público uma programação composta por palestras, oficinas e atividades ligadas ao empreendedorismo. Participarão personalidades que se destacam em distintos mercados: gastronomia, economia criativa, cultura e varejo.

A solenidade de lançamento do Empreender acontece nesta quinta-feira, 1º, na sede da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), às 19h30. Estarão presentes Luciana Dummar, presidente do Grupo O POVO de Comunicação; Beto Studart, presidente da Fiec; e do governador do Estado, Camilo Santana, que falará sobre "As políticas do governo estadual para o desenvolvimento dos micro e pequenos negócios no Ceará".

Programação do Seminário Empreender

Entre os convidados está o presidente global da Central Única das Favelas (Cufa), Preto Zezé, com o tema “Transformação social através do Empreendedorismo”. Outro perfil conhecido é o montanhista cearense Rosier Alexandre que contará suas conquistas com o Projeto 7 Cumes.

A programação do evento conta com representantes da nova tendência de serviço gastronômico food truck: Rapadura Food Truck e Coxinha Cream. Outro destaque é a prestação de serviços virtual; e o convidado para falar sobre o tema é Pedro Cabral, representante do Uber no Ceará.

O convidado destaque do Empreender é o youtuber Felipe Neto, considerado o terceiro maior do País. Além dele, a nova lógica do mercado é tema para o consultor de Marketing W. Gabriel que abordará o tema “Marketing e Competitividade no Mercado Digital”. Já o secretário de Ciência e Tecnologia de Tauá, Élvis Gonçalves, fala de “Inclusão Digital”.

Oficinas de capacitação também são parte da ampla programação. Entre elas “Customização de festas infantis”, com Priscila Brasileiro (Blog Querida Data); “Abrindo um negócio de sucesso”, com participação do Banco do Nordeste; “Iniciando no E-Commerce”, com Danilo Nobre (Site Bleez); e “Cultura: Empreendedorismo e Criatividade”, com os produtores culturais William Mendonça e Paulo Vitor Feitosa.

Na Praça de Eventos do Shopping RioMar, o público terá atendimento em stands do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Banco do Nordeste (BNB), Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) e Secretaria do Desenvolvimento Econômico do Ceará (SDE), por exemplo.

Ao todo, 37 mil participantes já foram certificados nos 10 anos de Empreender, "o que revela a importância do evento para o desenvolvimento econômico do Ceará", arremata Nazareno Albuquerque.

As inscrições estão quase encerradas, mas ainda dá tempo de participar. Para conseguir uma vaga e conferir a programação completa do Seminário Empreender, basta acessar o site do evento.

 

Serviço

Solenidade de lançamento do Seminário Empreender 2016

Quando: quinta-feira, 1º de setembro, às 19h30

Onde: Sede da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), na av. Barão de Studart, 1980 - Aldeota

Redação O POVO Online

TAGS