PUBLICIDADE
Notícias

Jornalista lança livro sobre festivais de música do Ceará na década de 60

Com recortes regionais e nacionais a escritora transcorre por períodos em que a música era ferramenta de protesto

18:58 | 02/08/2016
NULL
NULL

No próximo dia 11, a jornalista Priscila Lima lança o livro “Canto do Ceará” e apresenta a obra em um evento aberto ao público na Livraria Saraiva, localizada na avenida Washington Soares, 85, às 19h30 horas.

Em entrevista ao O POVO Online a escritora explicou sobre a principal metodologia de pesquisa aplicada, uma delas foi a busca em jornais, em que a principal fonte foi o Jornal O POVO.

“Comecei a pesquisa no trabalho de conclusão do curso da faculdade, era um tema mais específico, em que eu fazia análise das matérias do Jornal O POVO - que continha mais material sobre o tema”.


A escritora explica como surgiu a interligação dos festivais cearenses e nacionais. “Eu tinha o foco inicial, quando fiz o projeto ampliei a pesquisa para outros festivais, abarcando as quatro edições”, disse. “A música cearense e suas várias gerações merecem de nós ainda mais tempo, faces e métodos de pesquisa. Há toda uma produção musical ainda pouco conhecida, compositores dos quais pouco ouvimos falar, músicas nunca gravadas, uma parte da nossa história que se mantém dispersa”, acrescenta a jornalista sobre a cultura regional.


A autora transcorre por períodos da década de 60 em que a música era usada como forma de protesto. “Os festivais, com suas ‘músicas de protesto’, foram também espaços de resistência”. Priscila sobrepõe nomes importantes para a música brasileira. “A parte nacional é ampla, aborda o período de 67 e 68, ano em que Geraldo Vandré cantou 'Pra não dizer que não falei das flores'. Festivais que participaram Chico Buarque, Elis Regina, entre outros”.


A jornalista conclui explicando sobre a abordagem literária e estética do livro. “O livro não chega a ser uma obra analítica, ele cria uma referência para colaborar em pesquisas posteriores. O projeto gráfico do livro faz alusão a jornais, grandes partes das ilustrações são matérias de jornais”.

O livro que tem entrevistas com figuras importantes para a cultura nordestina, um deles é o Jorge Melo, parceiro de Belchior, foi contemplado pelo V Edital Mecenas do Governo do Estado do Ceará.

Serviço

Lançamento do livro Canto do Ceará – Os festivais de música do Ceará na década de 1960

Quando: 11 de agosto às 19:30


Onde: Livraria Saraiva, no Shopping Iguatemi, localizado na avenida Washington Soares, 85.

Confira edições do O POVO à época:

[FOTO4]

[FOTO5]

[FOTO6]

 

Redação O POVO Online 

TAGS