PUBLICIDADE
Notícias

Força Nacional usa drones para monitorar presídios do Ceará

Agentes estão atuando no Estado desde o último dia 28

18:32 | 03/06/2016

A Força Nacional de Segurança Pública tem utilizado drones para monitorar os complexos penitenciários da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Os agentes estão atuando no Estado desde o último dia 28, em apoio ao sistema prisional após a greve de agentes penitenciários, quando foram registradas rebeliões, fugas e mortes nas unidades.

De acordo com a Força Nacional, os drones ajudam a mapear as áreas e identificar a movimentação dentro e fora das unidades prisionais. Na madrugada de domingo, 29, os agentes conseguiram impedir uma fuga em massa na Unidade Prisional Desembargador Francisco Adalberto Barros de Oliveira Leal, conhecida como ‘Carrapicho’. Na segunda-feira, 30, dois túneis foram encontrados na Casa de Privação Provisória 1 (CPPL 1).

De acordo com a Portaria 583, de 23 de maio de 2016, que autoriza o emprego da Força Nacional no Ceará, o prazo de permanência da tropa é de 15 dias, podendo ser prorrogado, caso seja necessário. O envio da tropa foi autorizado pelo ministro da Justiça e Cidadania, Alexandre de Moraes, que atendeu uma solicitação do governador do Ceará, Camilo Santana.

 

Redação O POVO Online

TAGS