PUBLICIDADE
Notícias

Manifestação de concursados da Guarda Municipal termina em confronto

A Guarda Municipal usou spray de pimenta, gás lacrimogêneo e balas de borracha para dispersar os aprovados em concurso, que reivindicam convocação

11:46 | 04/04/2016
NULL
NULL
Um grupo de concursados da Guarda Municipal realizou um protesto em frente ao Paço Municipal, na manhã desta segunda-feira, 4, reivindicando convocação imediata de candidatos aprovados, em Fortaleza. Os manifestantes se dispersaram após confronto com os próprios guardas municipais da Prefeitura, que usaram spray de pimenta, gás lacrimogêneo e balas de borracha.

Um vídeo, enviado por leitores, registrou o momento do confronto. Em nota, a Secretaria Municipal de Segurança Cidadã (Sesec) informou que o grupo de manifestantes tentou acampar na entrada do Paço, a saída deles foi solicitada, mas houve resistência.

“A Guarda Municipal teve que usar spray de pimenta, gás lacrimogêneo e balas de borracha. Vale ressaltar que os guardas são treinados para atuarem forma gradativa utilizando-se de intervenções como a verbalização e, somente, depois usar outros meios como agentes químicos e armas de baixa letalidade. Sobre o disparo de bala de borracha, ele foi efetuado para baixo conforme orientação e treinamento, mas infelizmente atingiu um dos manifestantes", completa a secretaria.
[VIDEO1]
Segundo a Sesec, o prefeito Roberto Cláudio deu posse a 756 agentes em julho do ano passado, e existe a previsão da convocação dos candidatos remanescentes ainda este ano. A Sesec afirma ainda que ''o certame é válido por dois anos, prorrogável por mais dois, e os demais nomes entrarão no cadastro de reserva e poderão ser chamados nesse período à medida que novas vagas surgirem, por exemplo, com a aposentadoria de agentes".

Redação O POVO Online
TAGS