PUBLICIDADE
Notícias

Assassinado suspeito de matar escrivão da Polícia Civil

Antônio Rafael Martins Ribeiro foi morto na noite desta terça-feira. Polícia investiga participação dele no assassinato de Roberto Cosme Bezerra, em 8 de outubro

10:58 | 13/01/2016
Um jovem de 18 anos foi morto por volta das 20h desta terça-feira na rua Paulo Mota, no bairro Autran Nunes. Antônio Rafael Martins Ribeiro, conhecido como "Dólar", foi assassinado, a tiros, por quatro homens em duas motos, informa a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Ainda segundo a SSPDS, Dólar estava com um amigo em uma moto no momento do crime. A vítima chegou a ser socorrida a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas não resistiu aos ferimentos. Os responsáveis pelos crimes fugiram e, até o momento, nenhum suspeito foi preso.

De acordo com a SSPDS, Antônio Rafael é suspeito de participar da execução do escrivão da Polícia Civil Roberto Cosme Bezerra, crime ocorrido em 8 de outubro, em uma churrascaria do bairro Messejana. Apesar disso, não havia nenhum mandado de prisão em nome de Antônio Rafael.

Três pessoas foram presas pelo assassinato do escrivão: Francisco Chagas Sobrino Sá, que seria o mandante do crime; Carlos Braga da Silva e John Wesley Oliveira Matos Braga, que teriam mediado o contato entre Francisco Chagas e os atiradores. A polícia não havia conseguido prender os dois executores do crime.

Ainda conforme o inquérito policial, Roberto Cosme Bezerra foi morto por "motivos passionais". Francisco Chagas era ex-marido da atual companheira do escrivão, que estava com ele no momento do homicídio na churrascaria. O crime foi encomendado por R$ 3 mil, apurou a polícia.

Redação O POVO Online
TAGS