PUBLICIDADE
Notícias

Ceará registra mais uma morte por dengue, mas número de casos desacelera

De acordo com o relatório, o Estado já registrou 58 óbitos e teve 48.437 confirmações da doença. Até o momento, são 95.560 casos suspeitos.

18:06 | 18/09/2015
NULL
NULL

O boletim epidemiológico divulgado nesta sexta-feira, 18, confirmou mais uma morte e 787 novos casos de dengue em uma semana, no Ceará. De acordo com o relatório da Secretaria da Saúde (Sesa), o Estado já registrou 58 óbitos e teve 48.437 confirmações da doença. Até o momento, são 95.560 casos suspeitos.

Em relação às últimas semanas, o Ceará apresentou uma desaceleração nos casos confirmados de dengue. Pelo menos desde o dia 24 de julho, as confirmações da doença provocada pelo mosquito Aedes aegypti vêm caindo no Estado. A média por semana ficava entre 1.000 a 2.000 novos casos.

Na análise comparativa em relação ao ano de 2014, observa-se aumento de 165% dos casos notificados no Ceará para o mesmo período. O número subiu de 36 mil para 95.560 notificações.
[SAIBAMAIS1]
Fortaleza se destaca negativamente no mapeamento de casos de dengue, com 28 registros da doença. Atrás da Capital, estão os municípios de Caucaia (5), Beberibe (3), Maracanaú (4), Aracati (2), e Limoeiro do Norte (2).

Dos casos confirmados de dengue a faixa etária de 20 a 29 anos predomina com 22,9%. Dentre os óbitos suspeitos, 64,4% (58/90) foram confirmados, 20% (18/90) foram descartados e 15,6% (14/90) permanecem em investigação. A média da idade dos óbitos confirmados foi de 25 anos, variando de 1 meses a 85 anos. O mês de maio apresentou o maior número de óbitos e casos graves confirmados.

Redação O POVO Online

TAGS