PUBLICIDADE
Notícias

Vagão de trem é reaberto para visitas após restauros

No espaço, voltam a funcionar um café e uma biblioteca. A reabertura foi uma das atrações da temporada natalina da Central de Artesanato do Ceará (Ceart), que mantém loja na praça

20:27 | 12/11/2014
Após três meses de reforma, o vagão do trem na praça Luíza Távora, na Aldeota, na Secretaria Regional II, foi reaberto no início da noite desta quarta, 12. Agora, a população de Fortaleza poderá ter acesso ao café, à biblioteca e à visitação à árvore de Natal exposta no local. As obras de reforma e restauro tiveram o custo de R$ 80 mil e foram financiadas pelo Governo do Estado.
 
As obras de recuperação do vagão, fabricado em 1938 pela Cia. Centrale Construcion, em Haine Saint Pierre, na Bélgica, começaram em agosto. O objetivo foi de restaurar a parte externa e interna.
 
A reabertura foi uma das atrações da temporada natalina da Central de Artesanato do Ceará (Ceart). Nesta quarta, o coral da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) se apresentou pelas janelas do trem histórico.
 
Segundo informações da Ceart, os frequentadores estavam impedidos de acessar o vagão desde maio por conta das más condições. No entanto, algumas pessoas afirmaram que o bloqueio vinha de 2013, conforme O POVO publicou no início das obras.
 
De acordo com o divulgado pela entidade à época, os serviços seguiriam até outubro. Para coordenadora da Ceart, Amanaci Diógenes, não houve atrasos. “Nosso prazo era de 40 a 60 dias”, argumentou. Dentre os serviços realizados, estão pintura da parte interna e externa, restauração das estruturas de madeira, da rampa e dos bancos.
 
A gestora comenta que o trabalho buscou resgatar o mobiliário da época de confecção, a fim de manter as características originais do trem. “O vagão estava deteriorado e merecia passar por esse serviço. Ele é um dos equipamentos mais frequentados da praça e, desde a inauguração do espaço, não recebia manutenção”, comenta Amanaci. A expectativa da coordenadora é de que o trem de passageiros receba restauros periodicamente.
 
A Escola de Vida Sabor e Arte, da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS), continuará responsável pelo café mantido no interior do vagão. O estabelecimento funciona como local de estágio para jovens que participam desse projeto, gerenciado pela secretaria. Os frequentadores poderão visitar o espaço de segunda a sábado, das 9h às 20 horas, e aos domingos, de 14h às 20 horas.
 
Temporada natalina
Ainda na programação da temporada natalina da Ceart, teve início ontem a exposição da árvore de Natal. Este ano, o objeto de quatro metros foi confeccionado com sisal. A decoração foi executada por um grupo de dez moradores da comunidade de Granjeiro, localizada na Região do Cariri. O trabalho durou cerca de 30 dias para ficar pronto. O resultado pode ser conferido nas lojas da Ceart.
 
A central realiza também exposição de presépios produzidos com diversos materiais, como gesso, madeira e pétala de mandioca. Os trabalhos ficarão no espaço até o dia 6 de janeiro.
 
Redação O POVO Online, com informações do repórter Rômulo Costa 
TAGS