PUBLICIDADE
Notícias

Vigilante de escola estadual morre após ser atingido com cinco tiros na cabeça

Vigilante trabalhava na Escola Estadual de Educação Profissional Joaquim Moreira de Sousa, na Parangaba, e foi encaminhado para o Frotinha da Messejana

16:51 | 08/08/2014
Um vigilante identificado como Oberdan de Sousa Furtado, 35, morreu na tarde desta sexta, 8, após ser atingido com cinco tiros na cabeça enquanto trabalhava na Escola Estadual de Educação Profissional Joaquim Moreira de Sousa, na Parangaba.
 
Oberdan chegou a ser socorrido no Hospital Distrital Maria José Barros de Oliveira, o Frotinha da Parangaba, mas não resistiu aos ferimentos. Até o momento, ninguém foi preso.

Segundo a Polícia, o objetivo do assassino era roubar a arma do vigilante, mas nenhum pertence foi levado. Equipes das polícias civil e militar estão no local fazendo investigações.
 
Mas até a tarde desta sexta, ninguém havia sido preso. A polícia diz que vai ouvir testemunhas e usar imagens de câmeras de segurança da rua para tentar identificar os suspeitos.
 
Redação O POVO Online 

TAGS