PUBLICIDADE
Notícias

Veículos são responsáveis por 61% da poluição do ar em Fortaleza, diz estudo

O estudo levantou dados do ano de 2012, apontou os principais fatores que contribuíram para a geração de efeito estufa na Capital e definiu as primeiras estratégias para controle da qualidade do ar

17:32 | 22/08/2014
NULL
NULL

Os veículos são responsáveis por 61% da parcela de poluição do ar em Fortaleza. A informação foi divulgada pelo prefeito Roberto Cláudio em coletiva, na tarde desta sexta-feira, 22, no Paço Municipal.

O levantamento, que traz os números do primeiro Inventário de Emissão dos Gases do Efeito Estufa (GEE) da cidade, aponta resíduos com 25% da fatia de poluição, seguido de residencial (8%), comercial/institucional (4%) e industrial e agricultura (2%).

O estudo levantou dados do ano de 2012, apontou os principais fatores que contribuíram para a geração de efeito estufa na Capital e definiu as primeiras estratégias para controle da qualidade do ar. A pesquisa foi realizada com a participação da Associação Mundial de Governos Locais e Subnacionais Dedicados ao Desenvolvimento Sustentável (ICLEI), ligada à Organização das Nações Unidas (ONU).

Apenas Fortaleza e Recife, dentre as capitais brasileiras, foram contempladas como cidades modelos com o Programa “Promoção de Estratégias de Desenvolvimento Urbano de Baixo Carbono” (Urban LEDS).

Ações

A prefeitura informou que já possui ações em andamento para a redução de emissão dos gases que causam o efeito estufa. Há ações nas áreas de energia, transporte, resíduos, saneamento básico, entre outros.

Os próximos passos deverá ser a contratação de coordenador técnico e a formação do Fórum Municipal de Mudanças Climáticas em setembro. No mês de outubro deverá ocorrer a preparação do Plano e da Política Municipal de Mudanças Climáticas e de LED.

Em janeiro de 2015 está agendada a implantação de Projetos Pilotos e a busca de financiamento para projetos identificados como prioritários.

 

Redação O POVO Online

TAGS