PUBLICIDADE
Notícias

Turista é esfaqueado na Praia de Iracema; veja vídeo

O engenheiro químico Jurgn Mosbach, 59, sofreu uma tentativa de assalto durante a madrugada desta quinta

16:04 | 12/06/2014

Um alemão, de 59 anos, que está hospedado em Fortaleza para curtir a Copa do Mundo, no Brasil, sofreu uma tentativa de assalto e foi ferido por golpes de faca no braço direito. O caso ocorreu na madrugada desta quinta-feira, 12, véspera da abertura do torneio, na rua Pacajus, Praia de Iracema. O estrangeiro registrou um Boletim de Ocorrência (B.O.) na Delegacia de Proteção ao Turista (Deprotur). Confira o vídeo da ação criminosa no final da matéria.

O engenheiro químico Jurgn Mosbach, 59, está hospedado em uma residência localizada na Praia de Iracema, do paulista Wanderlei Gomes, 34 - que vive há dois anos em Fortaleza. O estrangeiro já havia sido alertado pelo brasileiro sobre os problemas da cidade, antes de ser atacado por duas mulheres. Segundo o educador em Mestrado em Turismo, o turista recebeu orientações como "não sair com absolutamente nada, não levar cartão de crédito, nem passaporte".
[SELOLEITOR]
O turista voltava para a casa do paulista, quando na rua Pacajus foi abordado por duas mulheres. Segundo Wanderlei, a dupla teria gritado "querido" para chamar a atenção do alemão. Em seguida, Jurgn foi atacado pelas mulheres. Uma delas portava uma faca.

O alemão entrou em luta corporal com as duas e foi golpeado no braço direito, mas conseguiu chutar uma das mulheres e conseguiu fugir. Segundo o estrangeiro, elas estavam aparentemente sob efeito de drogas ilícitas.

Após o ocorrido, Jurgn foi direto para a Deprotur registrar um B.O. De acordo com Wanderlei, o local onde o estrangeiro foi atacado, fica à 300m do Aterrinho da Praia de Iracema, onde será realizado o Fan Fest. Além disso, o alemão informou no Boletim que não havia policiamento na área que ocorreu a tentativa de assalto.

[SAIBAMAIS3]Apesar do momento traumático, o estrangeiro elogiou a recepção na Delegacia. A policial que atendeu o turista falava alemão e facilitou o atendimento.

O POVO Online entrou em contato com a titular da Deprotur, Adriana Arruda, para falar sobre o caso e a abordagem elogiada pelo turista. Porém, a delegada informou que a "Polícia Civil não pode se manifestar".

A reportagem teve acesso ao Boletim de Ocorrência e ao vídeo de uma câmera de segurança de um estabelecimento comercial que registrou a tentativa de assalto. Veja abaixo:

[VIDEO1] 

 

Esta matéria foi sugerida por um leitor pelo WhatsApp do O POVO, no número (85) 8201 9291. Mande você também informações em tempo real para O POVO.

Lucas Mota

TAGS