PUBLICIDADE
Notícias

RC classifica como "inócua" liminar que suspende obras na Praça Portugal

15:19 | 11/03/2014
NULL
NULL

Atualizada às 17h

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (Pros), esteve no Espaço O POVO de Cultura & Arte, onde apresenta o projeto Plano de Ação Imediata de Trânsito e Transporte de Fortaleza (Paitt) para jornalistas e profissionais do Grupo de Comunicação O POVO.

Roberto Cláudio classificou como "inócua" a liminar concedida pela Justiça, na noite de segunda-feira, 10, que suspendeu as obras do Paitt. Segundo o prefeito, as obras da Praça Portugal não começam agora.

"O que há é um projeto conceitual aberto às sugestões e críticas. Ainda vamos enviar para Câmara (Municipal) licitar e começar a execução. Obviamente que não pode demorar muito", disse o prefeito.
[SAIBAMAIS3]
Segundo RC, o projeto deve ir para Câmara Municipal em meados de abril, com previsão de início das obras para o fim de maio ou começo de junho. "O que estamos fazendo desde ontem (segunda-feira, 10), e é com permissão, é mexendo no canteiro central".

O tema inclusive foi motivo para críticas do vereador João Alfredo (PSOL), que publicou uma foto do canteiro central já modificado pelas obras do projeto em rede social. Na legenda da imagem, o vereador escreveu: "Ilegalidade e abuso de poder! Prefeito RC desobedece à ordem judicial e, mesmo notificado, arranca parte do meio fio onde estão as árvores da Av. D. Luiz. Alô, Judiciário! Alô, Ministério Público!".

O chefe do executivo explicou a escolha das obras na região da Aldeota. Segundo RC, a área foi escolhida para o binário porque 30% dos usuários de transporte público passam todos dias por uma das duas vias, as avenidas Santos Dumont e Dom Luís. Além disso, afirmou que 16% da frota veicular de 908 mil veículos passa pelo local.

Redação O POVO Online

com informações do repórter Bruno de Castro

TAGS