PUBLICIDADE
Notícias

Mulher é morta com tiro acidental disparado por primo de 16 anos

De acordo com informações do titular da Delegacia de Jucás, Jerffison Pereira, o adolescente estava brincando com a arma do esposo da vítima, que teria disparado acidentalmente

08:56 | 20/04/2012

Uma mulher de 26 anos foi morta com um tiro acidental disparado pelo primo de 16 anos no município de Jucás, na tarde nesta quinta-feira,19.

De acordo com informações do titular da Delegacia de Jucás, Jerffison Pereira, o adolescente estava brincando com a arma do esposo da vítima, que teria disparado acidentalmente.O tiro atingiu a cabeça de Ivone Ferreira dos Santos, 26.

O jovem teria entrado em desespero após o acidente e se escondeu em um matagal no momento em que o marido da vítima foi procurar um carro para encaminhá-la ao hospital. Ela ainda foi socorrida, mas chegou ao hospital de Jucás sem vida.

O delegado informou que o corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Iguatu. Após a necrópsia a Polícia deve ouvir todos os envolvidos. Ainda de acordo com Jerffisson Pereira, os populares informaram que a vítima tinha uma boa relação com o primo e o marido.

Lei

De acordo com o delegado Jerffison Pereira , o marido da vítima deve responder na Justiça por ter entregue arma a um adolescente de 17 anos.

Após as investigações, no caso de o homem não ter o registro da arma, que está apreendida na delegacia, ele pode responder pelo crime de porte ilegal de arma de fogo, com pena de três a seis anos de prisão e multa.

Prevenção

O delegado alertou para os riscos de ter uma arma de fogo dentro da residência e fez um apelo para  que a população de Jucás, entregue suas armas na delegacia do município.

“A população tem a ideia de segurança ao ter armas em casa e por isso acontecem os acidentes. É por isso que sempre efetuamos buscas por armas de fogo nas localidades”, diz o titular.

Jessika Sisnando

[email protected]

TAGS