PUBLICIDADE
Notícias

PT tem a pior eleição em capitais dos últimos 20 anos

Confirmando as pesquisas e projeções a partir do resultado deste domingo, 2, a crise no partido se estende aos governos municipais

20:30 | 02/10/2016

A partir do resultado da apuração da noite deste domingo, 2, o Partido dos Trabalhadores (PT) teve, nestas eleições, seu pior resultado em capitais dos últimos 20 anos. O balanço foi feito pela revista Veja.

[SAIBAMAIS]
Desde 2004, o partido perde prefeitos nas principais cidades do País. Foram nove eleitos em capitais em 2004, cinco em 2008 e quatro em 2012.

 

Agora em 2016, o PT conquistou só uma capital no primeiro turno, Rio Branco, no Acre, com a reeleição de Marcus Alexandre. O partido passou ao segundo turno apenas em mais uma, Recife. Se ganhar na capital pernambucana, vai igualar o desempenho de 1996, quando também levou duas capitais. Se perder, será o pior resultado desde 1985, ano em que só conquistou uma capital, Fortaleza. Na época, Maria Luiza Fontenele foi a primeira mulher a ser eleita prefeita de uma capital de estado brasileiro.


Em 2016, o PT tinha esperanças de ir ao segundo turno em quatro capitais, porém o resultado foi concretizado apenas em Recife. Em São Paulo, o Datafolha projeta a eleição de João Doria (PSDB) logo no primeiro turno; em Porto Alegre, Raul Pont (PT) ficou em terceiro; e em Fortaleza, a petista Luizianne Lins não segue ao segundo turno.


A situação foi agravada para o PT a partir das prisões de seus três últimos tesoureiros, do desgaste da imagem de Lula (seu principal líder) a partir das investigações da Operação Lava Jato, e do impeachment da presidente da República de seu partido, Dilma Rousseff.

Redação O POVO Online

TAGS