PUBLICIDADE
Notícias

Dois crimes eleitorais são registrados e três pessoas são conduzidas à PF

13:37 | 30/10/2016
Apenas duas ocorrências de crime eleitoral foram registradas na sede da Polícia Federal (PF), no Bairro de Fátima, até o meio-dia deste domingo, 30. Ambas envolviam apoiadores de campanha do prefeito é candidato à reeleição, Roberto Cláudio (PDT). O primeiro registro foi feito por volta das 11h30min, quando um homem foi conduzido do bairro Pici até a PF por suspeita de propaganda irregular. Ele estaria dentro de veículo adesivado e ouvindo jingle de campanha de RC em volume alto, conforme os policiais militares que o conduziram. O carro, modelo Fox, de cor vermelha, estava estacionado na rua Rio Grande do Sul, próximo ao cruzamento com a rua Ceará, nas cercanias de um local de votação. Um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) foi lavrado e o suspeito foi liberado. Em seguida, dois jovens foram conduzidos do Edson Queiroz até a PF por homens das Forças Armadas, que estão atuando na Capital. Um dos militares informou que a dupla estaria circulando por locais de votação no interior da Universidade de Fortaleza (Unifor) fazendo boca de urna. Segundo a delegada Juliana Pacheco, coordenadora da operação das eleições, 162 servidores da PF, entre delegados, escrivães e inspetores, estão atuando hoje na Capital e em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), onde também ocorre segundo turno.
TAGS