PUBLICIDADE
Notícias

Balanço parcial indica 47 casos de crimes eleitorais neste domingo

Segundo o TRE, foram 19 bocas de urna, 11 compras de voto, nove propagandas irregulares, quatro transportes irregulares de eleitores, duas ocorrências de vestuário padronizado, uma briga entre fiscais e uma utilização de carro de som indevida.

16:00 | 02/10/2016

Até as 15h50min deste domingo de eleições, dia 2, ocorreram 47 crimes eleitorais em todo o Estado, segundo informações do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE). Na Capital, foram registradas oito ocorrências por compra de votos, fornecimento ilegal de alimentos, divulgação de propaganda, boca de urna e arregimentação de eleitores.

Os números da Polícia Federal dão conta que treze pessoas suspeitas de boca de urna foram conduzidas à sede do órgão durante a manhã deste domingo. Até as 15 horas, O POVO apurou que o número havia subido para 23 pessoas suspeitas de crimes eleitorais na capital e na Região Metropolitana.

Segundo o TRE-CE em todo o Estado, foram 19 bocas de urna, 11 compras de voto, nove propagandas irregulares, quatro transporte irregular de eleitores, duas ocorrências de vestuário padronizado, uma briga entre fiscais e uma utilização de carro de som indevida.

O assistente da corregedoria do TRE, Carlos Guimarães, afirma que está tudo "dentro da normalidade" na Capital, na Região Metropolitana e no Interior. Ele alerta ao eleitor que queira manifestar suas opções de voto: "Que o faça silenciosamente, sem distribuição de panfletos, uso de carros de som e quaisquer outras tentativas de convencer os eleitores, já que isto configura crime de boca de urna", frisa.

Substituição de urnas
No Ceará, 245 urnas eletrônicas foram substituídas, sendo 113 em Fortaleza e 132 no interior. Os problemas das urnas são travamentos, erros nas numerações no teclado e na biometria. Mas o TRE garante que sempre há um polo de apoio próximo às zonas para substituição.

Viçosa do Ceará lidera
A cidade com o maior número de ocorrências até o início da tarde deste domingo foi Viçosa do Ceará, tendo, até as 14 horas, registrado um total de 16 casos. Foram 11 bocas de urna, quatro compras de votos e um fornecimento ilegal de alimentos.

A candidata a vereadora pelo PMDB na coligação Unidos Pelo Povo, Neide Brito, foi presa por boca de urna, assim como também a candidata a vereadora, Neurimar Siqueira da Silva, pelo PDT na coligação Proporcional PDT/PTB/PMB/PSD/PP/PV/PPL.

Além delas, houve mais duas ocorrências por boca de urna, na zona 035 e outros dois casos de corrupção eleitoral/compra de votos e fornecimento ilegal de alimentos.

No município de Crateús foram três ocorrências de divulgação de propaganda. Em Groaíras foi registrado um caso de boca de urna; já em Pacoti, o candidato a vereador pelo PTdoB na coligação Compromisso e Competência, Professor Ivo, foi autuado por crime de boca de urna e arregimentação de eleitores.

Na cidade de Quixelô, houve um caso de divulgação de propaganda, Já em Quiterianópolis, houve uma ocorrência de corrupção eleitoral/compra de votos.

Redação O POVO Online, com informações das repórteres Irna Cavalcante e Sara Oliveira

TAGS